Adolescente é encontrado morto no metrô de Cavaleiro

Crime aconteceu na quinta-feira e jovem era usuário de drogas

Palestra integrará semana de atividades promovidas pelo TJPEPalestra integrará semana de atividades promovidas pelo TJPE - Foto: Divulgação

Um jovem de 16 anos foi encontrado morto na manhã desta sexta-feira (2), no centro de manutenção do metrô da estação de Cavaleiro, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. Segundo familiares do jovem, que foi baleado, era usuário de drogas.

De acordo com o delegado Ian Campos, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o crime aconteceu no local, por volta das 23h dessa quinta-feira. Funcionários da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) informaram que o corpo foi encontrado caído próximo à linha de testes do metrô, no centro de manutenção.

Ainda não se sabe a motivação do crime, que será investigado pela 13ª Delegacia de Homicídios. Procurada pela reportagem do Portal FolhaPE, a assessoria de comunicação da CBTU se manifestou através de nota à imprensa. Confira na íntegra: 

"A CBTU Recife informa que foi encontrado por um maquinista, às 05h desta sexta-feira, 02, o corpo de um homem, na linha de testes de manutenção da empresa em Cavaleiro, Jaboatão dos Guararapes. O Instituto de Criminalística (IC) e o Instituto de Medicina Legal (IML) já foram acionados."

Segurança no metrô

Na noite desta quinta-feira (1º) outro crime aconteceu nas linhas do metrô da Região Metropolitana do Recife. A cabeleireira Edilene Maria da Silva, 39 anos, foi atingida por um tiro na cabeça dentro do Metrô do Recife. A mulher voltava para sua casa, por volta das 21h, quando houve uma tentativa de roubo e troca de tiros entre policiais e criminosos.

Leia mais:
Morre mulher baleada no Metrô do Recife

Veja também

Rio não terá desfile de blocos de rua no carnaval de 2021
carnaval

Rio não terá desfile de blocos de rua no carnaval de 2021

Brasileira está entre as vítimas de atentado na França, informa Itamaraty
internacional

Brasileira está entre as vítimas de atentado na França