Adolescente leva simulacro para escola no Recife e assusta colegas de sala

Segundo policiais militares da Patrulha da Escola que foram à instituição de ensino, o jovem é estudante do 6º ano e disse ter encontrado a pistola de plástico preta na rua

Ambos foram encaminhados juntos com os responsáveis para o Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA)Ambos foram encaminhados juntos com os responsáveis para o Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA) - Foto: Arthur de Souza

Um adolescente de 13 anos, estudante da Escola Estadual Monsenhor Francisco Salles, no bairro da Soledade, área central do Recife, levou um simulacro para a escola, assustando os colegas de turma.

Segundo policiais militares da Patrulha da Escola que foram à instituição de ensino, o jovem é estudante do 6º ano e disse ter encontrado uma pistola de plástico preta na rua e que a confusão começou depois que ele mostrou o simulacro aos colegas de sala.

Leia também:
Jovem invade escola no RS e ataca estudantes com machado
Veículos, simulacro de pistola e celulares apreendidos em Caruaru
Jovem é morto e outro baleado em quadra de escola em Olinda


Ainda de acordo com os PMs, uma adolescente da mesma turma, que presenciou a cena, se sentiu ameaçada pelo garoto e acionou a direção da escola, que chamou a PM e os pais dos dois adolescentes.

Ambos foram encaminhados juntos com os responsáveis para o Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA), da rua João Fernandes Vieira, no bairro da Boa Vista, área central do Recife.

De acordo com a mãe da aluna, o menino já teria se envolvido em outras confusões na escola. “Ele é um menino que já vem dando problemas. Na semana passada, minha filha reclamou que ele teria levado um estilete e amaçado cortar as meninas da escola. Falei com a secretaria mas nada foi feito”, contou.

Já a mãe do aluno afirma que o filho “é especial”, de acordo com laudos médicos. “Meu filho precisa de um acompanhamento. Ele tem dificuldades de aprendizagem, e toma medicação para evitar possíveis surtos”.

Veja também

União Europeia desiste de obrigar países a receber refugiados
mundo

União Europeia desiste de obrigar países a receber refugiados

Grupos de profissionais da saúde devem ser vacinados contra Covid-19 em dezembro, diz Doria
Coronavírus

Grupos de profissionais da saúde devem ser vacinados contra Covid-19 em dezembro, diz Doria