Tragédia

Adolescente morre em Camaragibe durante as fortes chuvas registradas no município

Jovem teria caído em um bueiro e sido arrastado pela chuva para um canal

Jovem deu entrada no Hospital Aristeu Chaves, no centro do município, mas não resistiuJovem deu entrada no Hospital Aristeu Chaves, no centro do município, mas não resistiu - Foto: Divulgação

Um adolesecnte morreu em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, durante as fortes chuvas que assolaram o município nas últimas horas. Segundo a prefeitura, o óbito de Fillipe Dias Salvador, de 16 anos, foi registrado na madrugada desta terça-feira (22)
 
O jovem deu entrada no Hospital Aristeu Chaves, no centro da cidade, à 00h55,  segundo a gestão municipal, apresentando ausência de pulso. Após tentativa de reanimação sem sucesso, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Em nota, a Prefeitura de Camaragibe lamentou a morte do adolescente e afirmou que se coloca à disposição dos familiares da vítima para auxílio neste difícil momento.
 
O Corpo de Bombeiros informou que foi acionado por volta da 00:50 desta terça para resgatar um homem que teria caído dentro de um canal, na rua Sidrônio Andrade Lima, no centro de Camaragibe. No entanto, acrescentou a corporação, cerca de cinco minutos depois, com a equipe em deslocamento, a ocorrência foi cancelada pelo solicitante, que informou que a vítima foi retirada do canal por populares e conduzida ao hospital Aristeu Chaves.
 

Segundo informações, o jovem voltava da Escola Estadual Joaquim Amazonas, também no centro do município, na noite desta segunda, quando caiu em um bueiro e foi arrastado pela correnteza para o canal. Nas redes sociais, a escola lamentou a morte precoce do estuadante.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Escola Joaquim Amazonas (@joaquim_amazonas_oficial)

Segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), Camaragibe registrou o maior índice pluviométrico nas últimas 24 horas no Estado, com 169mm.

A Defesa Civil da cidade pode ser acionada pelos telefones 153, (81) 2129-9564 e (81) 9.9945-3015.
 
O Governo de Pernambuco afirmou que vem acompanhando as fortes chuvas que atingem grande parte das regiões do Estado desde o último domingo (20) e pediu que a população permaneça em alerta, especialmente nas áreas de risco. “Infelizmente, a previsão da Apac é de mais chuva forte nas próximas horas, e pedimos que a população, sobretudo quem mora nas áreas de risco, esteja atenta às orientações das prefeituras”, frisou o governador Paulo Câmara.
 
De acordo com o governo, a Coordenadoria de Defesa Civil do Estado de Pernambuco (Codecipe) e o Corpo de Bombeiros estão atuando em parceria com as unidades da Defesa Civil dos municípios para minimizar os impactos e atender as pessoas desalojadas em Camaragibe e São Lourenço da Mata, duas cidades onde já foram registrados incidentes provocados pelas chuvas. Segundo a Apac, São Lourenço da Mata registrou 146mm de índice pluviométrico nas últimas 24 horas. O Recife ficou em 123,34mm. 
 
O Governo do Estado destacou que após dois dias de chuvas intensas o solo está encharcado e, com a previsão de continuidade das chuvas, o risco de deslizamento torna-se maior. A Defesa Civil advertiu que as pessoas evitem áreas alagadas, banhos de rios e córregos, e que os moradores de morros e encostas fiquem atentos e deixem imediatamente o local em caso de movimentações de terras.
 
A Central de Operações da Codecipe mantém plantão 24 horas por dia e pode ser acionada pelos telefones 199 e (81) 3181-2490.

 

Veja também

Com tendência conservadora, a Suprema Corte divide os americanos
Estados Unidos

Com tendência conservadora, a Suprema Corte divide os americanos

Vacinas salvaram 20 milhões de vidas em um ano, aponta novo estudo
Coronavírus

Vacinas salvaram 20 milhões de vidas em um ano, diz estudo