Aeroporto do Recife volta a receber combustível

Agora, são nove os aeroportos administrados pela Infraero que estão com falta de combustível

O prejuízo diário, segundo a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), supera os R$ 50 milhõesO prejuízo diário, segundo a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), supera os R$ 50 milhões - Foto: Alfeu Tavares/Folha de Pernambuco

O Aeroporto do Recife, no bairro da Imbiribeira, na Zona Sul do Recife, saiu da lista da Infraero de terminais aéreos desabastecidos no País, após dois dias sem combustível por conta da paralisação dos caminhoneiros contra a alta no preço do diesel. Agora, são nove os aeroportos administrados pela Infraero que estão com falta de combustível até o momento, de acordo com a última atualização feita às 15h20 deste domingo (27) pela empresa aérea. São eles: São José dos Campos (SP), Uberlândia (MG), Ilhéus (BA), Campina Grande (PB), Juazeiro do Norte (CE), Maceió (AL), Aracaju (SE), Joinville (SC) e João Pessoa (PB).

Leia mais:
Aeroporto do Recife: mais de 10 voos são cancelados neste sábado
Justiça autoriza Exército a transportar combustível para o Aeroporto do Recife

No comunicado, disponível na página eletrônica da Infraero, a empresa alerta aos operadores de aeronaves que avaliem seus planejamentos de voos para que as viagens ocorram de acordo com a disponibilidade de combustível na rota pretendida. Já aos passageiros, a recomendação é que procurem suas companhias para consultar a situação dos voos.

A Infraero reforça que está em contato com órgãos públicos relacionados ao setor aéreo para garantir a chegada dos caminhões com combustível de aviação aos aeroportos administrados pela empresa. E que compreende o direito de manifestação, mas também entende que os protestos devem ocorrer sem afetar o direito de ir e vir das pessoas, bem como a segurança das operações aeroportuárias.

Veja também

STF inicia julgamento sobre validade de acordos coletivos de trabalho
Justiça

STF inicia julgamento sobre validade de acordos coletivos de trabalho

Israel realiza novos bombardeios na Faixa de Gaza em resposta a balões incendiários
Conflito

Israel realiza novos bombardeios na Faixa de Gaza em resposta a balões incendiários