Agência da Caixa é incendiada após tentativa de arrombamento no Cabo

Segundo a PF, bandidos alugaram uma casa próxima à agência para arrombar as paredes e chegar ao cofre

Agência da Caixa Econômica Federal incendiadaAgência da Caixa Econômica Federal incendiada - Foto: Divulgação/PF

Um grupo de cerca de três criminosos, segundo informações da Rádio Patrulha, incendiou a agência bancária da Caixa Econômica Federal do bairro de Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, após tentar arrombar o estabelecimento. A investida aconteceu por volta das 15h do domingo (22) na avenida Nossa Senhora do Bom Conselho, no centro da cidade.

Foram encontrados no local alguns objetos usados para arrombar o banco: cilindros de oxigênio, maçaricos, furadeira e martelo. O trio teria alugado uma casa há dois dias ao lado de uma loja de motos próxima à agência, de acordo com a Polícia Federal. Eles fizeram um buraco na parede desta casa e na da loja de motos até chegar ao banco.

Leia também:  
Bando usa fogos de artifício para disfarçar explosão de agência da Caixa no Agreste
Tiros, reféns e explosões em quatro agências bancárias em Surubim


Ao tentar arrombar o cofre, houve a queima de algum material inflamável que provocou um incêndio no interior da Caixa. Desta forma, os criminosos deixaram o local sem levar nenhuma quantia em dinheiro. O Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar as chamas e policiais militares da Rádio Patrulha estiveram no local e iniciaram buscas para encontrar os suspeitos, mas ninguém foi encontrado e preso. As primeiras perícias serão realizadas nesta segunda-feira (23), uma vez que a temperatura do local e a escuridão impossibilitaram os trabalhos ainda no domingo.

As investigações sobre o caso ficarão sob a responsabilidade da Polícia Federal, que pede para que qualquer informação que colabore com a captura e identificação dos criminosos seja repassada ao Disque Denúncia, através do número 81 3421-9595. O sigilo e anonimato dos denunciantes são garantidos.

A PF informa ainda que a agência possui porta detectora de metais, câmeras de circuito interno - que terão as imagens periciadas -, aparelho de retardo de cofre, vigilantes e anteparo blindado. Com esta investida, chega a nove o total de ações criminosas contra agências da Caixa este ano em Pernambuco, sendo cinco arrombamentos e quatro agências explodidas.

Veja também

EUA destacam 'metas promissoras' de Bolsonaro para proteção ambiental
Diplomacia

EUA destacam 'metas promissoras' de Bolsonaro para proteção ambiental

STF inicia julgamento sobre validade de acordos coletivos de trabalho
Justiça

STF inicia julgamento sobre validade de acordos coletivos de trabalho