METRÔ DO RECIFE

Alegando insegurança, metroviários do Recife realizam assembleia e aderem estado de greve

Reunião com a CBTU está programada para ser realizada na tarde desta quarta-feira (7)

Estado de greve foi votado na noite desta terça-feira (6), com aproximadamente 50 pessoasEstado de greve foi votado na noite desta terça-feira (6), com aproximadamente 50 pessoas - Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

O transporte público no Recife e Região Metropolitana poderá sofrer uma baixa em seu funcionamento durante o Carnaval, já que o Sindicato dos Metroviários e das Metroviárias  de Pernambuco (Sindmetro-PE) realizou uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE) na noite desta terça-feira (6), onde votou pela adesão ao estado de greve da categoria, alegando insegurança para os dias de folia.

A concentração dos trabalhadores aconteceu na Praça da Greve, localizada na frente da Estação Central do Metrô de Recife, juntando, aproximadamente, 50 pessoas.

"A preocupação com a integridade e bem-estar dos trabalhadores e da população é uma prioridades, e a assembleia visa garantir que as medidas adotadas sejam eficazes e atendam aos interesses da categoria", diz o Sindmetro, em nota.

Estação Central do Metrô do Recife, na noite desta terça-feira (6) | Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

Presidente do Sindmetro, Luiz Soares conversou com a reportagem da Folha de Pernambuco após a votação, apontando o pedido para que 10 trens (composições) estejam à disposição da população durante os dias de folia. 

"Nós temos um sistema que tem muita dificuldade em operar, além da questão da falta de policiamento. A gente tem essa preocupação, porque no Carnaval e no Galo (da Madrugada) aumenta o número de pessoas. Mas cadê as composições? Estamos pedindo que, em vez de seis ou oito composições atendamos com 10", afirma.

Presidente do Sindicato dos Metroviários e das Metroviárias de Pernambuco (Sindmetro-PE), Luiz Soares | Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

Uma reunião com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) está programada para acontecer na tarde desta quarta-feira (7), por volta das 14h30. 

No encontro, serão apresentados planos de trabalho e segurança para a operação do Metrô do Recife no Carnaval. A depender do desfecho, a greve, então, poderá ser iniciada.

Entre as exigências da classe, segundo o presidente, está a presença de agentes da segurança pública nas estações durante o período festivo.

"Em cada estação, tem que ter policiamento, para que protejam os maquinistas e também os usuários. Para oferecer qualidade e segurança para todos", finaliza.

O que diz a CBTU
Procurada pela Folha, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) se manifestou a respeito do ocorrido em nota, reforçando que uma nova decisão seguirá a partir do encontro desta quarta-feira (7).

“O Sindmetro-PE enviou um ofício solicitando explicações a respeito do plano de segurança da operação do metrô durante o Carnaval 2024, que foi apresentado hoje durante a coletiva do Galo da Madrugada. A superintendente Marcela Campos irá se reunir com os representantes do sindicato para apresentar o plano e sanar quaisquer dúvidas”, detalha.

Veja também

Meningite: conheça as causas, os sintomas e as formas de evitar a doença
Prevenção

Meningite: conheça as causas, os sintomas e as formas de evitar a doença

TikTok: app vai ser banido nos EUA? Entenda o que acontece agora com a rede social
Rede Social

TikTok: app vai ser banido nos EUA? Entenda o que acontece agora com a rede social

Newsletter