internacional

Alemanha críticas declarações de Trump sobre Otan

Chefe do governo alemão pediu nesta segunda que os países europeus produzam material militar em massa, devido à ameaça de pressão representada pela Rússia

O chanceler alemão, Olaf ScholzO chanceler alemão, Olaf Scholz - Foto: Michele Tantussi/AFP

O chefe do governo alemão, Olaf Scholz, nesta segunda-feira (12) “irresponsável e perigoso” ameaçou Donald Trump de deixar de garantir a proteção dos países de Otan frente à Rússia se eles não pagarem a sua parte.

“Qualquer relativização da garantia de assistência da Otan é irresponsável e perigosa, e beneficia apenas os interesses da Rússia”, declarou Scholz durante entrevista coletiva em Berlim com o colega polonês, Donald Tusk.

“Devemos nos dedicar realmente a uma cooperação total com os Estados Unidos, mas a Europa também tem que investir na sua própria segurança”, acrescentou Tusk.

Scholz pediu nesta segunda que os países europeus produzam material militar em massa, devido, segundo ele, à ameaça de pressão representada pela Rússia.

O líder alemão deu essa declaração no início da construção de uma nova unidade do fabricante de armas Rheinmetall em Untelüss, norte do país. A nova fábrica representa “um sinal” para os europeus, ressaltou o chanceler alemão, que pediu um reforço da indústria de defesa do continente.

“Temos que abandonar a indústria manufatureira e nos concentrar na produção de armamento em larga escala”, declarou Scholz, alegando “uma necessidade urgente”.

“Por mais que seja esta realidade, não vivemos em tempos de paz”, ressaltou o chefe de governo, para quem a invasão russa à Ucrânia e “as ambições imperiais” do presidente russo, Vladimir Putin, representam “uma ameaça importante”.

“Quem quer a paz deve conseguir dissuadir eventuais agressores”, considerando Scholz, que pediu uma cooperação industrial “mais estreita” entre os países da União Europeia: “Uma defesa forte requer uma base industrial sólida.”

Veja também

Fechamento da Télam prejudicaria direito de argentinos à informação
Télam

Fechamento da Télam prejudicaria direito de argentinos à informação

Moda da Hermès desafía todos os elementos
Moda

Moda da Hermès desafía todos os elementos