A-A+

Amazonense é presa no Aeroporto do Recife com 2,5 kg de skank

Mulher disse que resolveu aceitar a proposta de uma pessoa de Manaus, porque está desempregada, e passando por problemas financeiros; Para transportar a droga, a mulher receberia o valor de R$ 1 mil

Mulher receberia R$ 1 mil para transportar a droga até São Luiz, no MaranhãoMulher receberia R$ 1 mil para transportar a droga até São Luiz, no Maranhão - Foto: Divulgação/PF

Uma jovem foi presa no Aeroporto Internacional do Recife por tráfico interestadual de drogas após fiscalização rotineira da Polícia Federal. Andréia Bispo de Oliveira, 24, natural do Amazonas, carregava em seu corpo uma quantidade de 2,5 quilos de skank, droga com alto teor de THC, também conhecida como supermaconha.

De acordo com a PF, a  jovem estava indo para São Luis, no Maranhão, e disse ser vendedora de roupas, mas não possuía nenhum catálogo com os produtos. Ela informou também, segundo a PF. que passaria de quatro a cinco dias em São Luiz, mas também não levava mala de mão nem mala despachada. Na revista, realizada por uma policial, foram encontrados quatro invólucros presos com fita adesiva no corpo da jovem, com um total de 2,5 quilos da droga. Um aparelho celular, cartões de embarque e passagens aéreas foram apreendidas.

Leia também:
Venezuelano é preso no Aeroporto do Recife com 4 kg de cocaína líquida
Acreano é preso com cocaína presa ao corpo no Aeroporto do Recife
Modelos são presos com 5 quilos de cocaína no Aeroporto do Recife


Ainda segundo a PF, a amazonense disse que resolveu aceitar a proposta de uma pessoa de Manaus porque está desempregada e passando por problemas financeiros. Para transportar a droga, a mulher receberia  R$ 1 mil. Ela foi autuada em flagrante pelo crime de tráfico interestadual de droga, passou por audiência de custódia e foi encaminhada para a Colônia Penal Feminina, onde cumprirá prisão preventiva.

Veja também

Saúde promove Dia "D" de vacina antirrábica na fronteira com a Bolívia
Saúde

Saúde promove Dia "D" de vacina antirrábica na fronteira com a Bolívia

Talibãs exibem corpos de sequestradores em cidade no Afeganistão
Mundo

Talibãs exibem corpos de sequestradores em cidade no Afeganistão