Ananias frisa otimismo pelo acesso e reencontro com Carmona

Jogador preferiu destacar que o Timbu precisa pensar no Oeste antes de secar Vasco e Bahia

Agenda de campanhaAgenda de campanha - Foto: Marcos Santos/USP

Após a vitória por 4x1, diante do Tupi/MG, fora de casa, pela Série B do Campeonato Brasileiro, os jogadores do Náutico ficaram de olho em outro jogo. Na Arena Fonte Nova, o Bahia encarava o Bragantino. De longe, os alvirrubros secaram, mas no final o Tricolor de Aço saiu vencedor. Uma notícia que, ainda assim, não abalou o otimismo do elenco quanto ao acesso à Série A.

“Estávamos no ônibus, voltando, quando o Bragantino fez o gol. Comemoramos muito. Ficamos secando, mas o sinal não pegou mais. Ficamos pelo rádio e, no final, o Bahia fez o gol. Vimos que não adiantava secar. Mesmo assim estamos otimistas. Em 2014 e 2015 a gente bateu na trave. No ano passado foi mais perto, faltando um ponto para subir. Mas agora estamos a dois pontos do G4 e com totais chances de subir”, afirmou João Ananias.

No sábado, diante do Oeste, na Arena de Pernambuco, os jogadores do Náutico vão reencontrar um ex-jogador do clube: Pedro Carmona. “Ele, quando passou aqui, fez uma amizade bonita com a gente. É um grande amigo meu. Enquanto estava aqui, eu o admirava muito pela pessoa que ele é. Será difícil marcá-lo e o time do Oeste é bom. Não está em condição boa, mas sei que será um jogo complicado”, declarou.
O técnico Givanildo Oliveira não definiu a equipe que começa jogando, mantendo o mistério no meio-campo. Esquerdinha, Marco Antônio e até Maylson brigam por uma vaga. “São três jogadores experientes, excelentes. Esquerdinha entrou bem contra o Tupi, Marco vinha bem também e Maylson fez o gol da vitória contra o Goiás. Desejo boa sorte para quem for entrar”, pontuou.

Na quinta posição, com 60 pontos, o Náutico precisa vencer o Oeste e torcer pelo tropeço do Bahia diante do Atlético/GO ou do Vasco diante do Ceará. “Vasco vive momento difícil, mas joga em casa contra o Ceará. O Atlético/GO quer fazer a festa em casa e para isso precisa vencer o Bahia. É difícil ver quem vamos secar. Mas, independente de quem perder, precisamos fazer nosso dever de casa”, completou.

Veja também

Burger King é interditado em Salvador após aglomerar com promoção de Dia das Bruxas
Bahia

Burger King é interditado em Salvador após aglomerar com promoção de Dia das Bruxas

Trump e Biden visitam estados-chave no último fim de semana antes das eleições nos EUA
EUA

Trump e Biden visitam estados-chave no último fim de semana antes das eleições nos EUA