Conflito Rússia x Ucrânia

Ao menos quatro mortos em bombardeio contra cidade ucraniana de Kharkiv

As equipes de emergência informaram que mobilizaram 21 veículos e 90 pessoas para controlar os incêndios e atender as vítimas

Kharkiv, a segunda maior cidade da Ucrânia, é bombardeada mais uma vez pelo exército russoKharkiv, a segunda maior cidade da Ucrânia, é bombardeada mais uma vez pelo exército russo - Foto: Sergey Bobok / AFP

Ao menos quatro pessoas morreram e nove ficaram feridas em bombardeios russos nesta quarta-feira (2) contra a sede dos serviços de segurança e contra uma universidade em Kharkiv, a segunda maior cidade do país, informaram os serviços de emergência ucranianos.

"Até o momento, 10 pessoas foram retiradas dos escombros. O balanço provisório é de quatro mortos e nove feridos", afirmaram os serviços de emergência nas redes sociais no momento em que Kharkiv é alvo de uma ofensiva das forças russas.

As equipes de emergência informaram que mobilizaram 21 veículos e 90 pessoas para controlar os incêndios e atender as vítimas.

O governador de região, Oleg Sinegubov, anunciou que 21 pessoas morreram nos bombardeios de terça-feira (1º), que atingiram especificamente a sede do governo, no centro da cidade, uma mensagem que depois foi apagada das redes sociais. 

Kharkiv - segunda maior cidade da Ucrânia, com 1,4 milhão de habitantes e próxima da fronteira da Rússia - é um alvo das tropas russas desde o início da invasão em 24 de fevereiro. 

Na madrugada de quarta-feira (2), as autoridades ucranianas afirmaram que tropas russas desembarcaram em Kharkiv e atacaram um hospital. 

Veja também

Corpo do jornalista britânico Dom Phillips é velado em Niterói
Caso Dom e Bruno

Corpo de Dom Phillips é velado em Niterói; viúva do jornalista agradece apoio e solidariedade

Dia Nacional do Diabetes: pacientes buscam qualidade de vida
saúde

Dia Nacional do Diabetes: pacientes buscam qualidade de vida