Após ser sequestrado, vigilante é estrangulado dentro de carro, em Paulista

Filha de Maclínio José também estava no carro e foi abandonada na BR-101. Adolescente passa bem

João Cabral de Melo Neto (1920 - 1999)João Cabral de Melo Neto (1920 - 1999) - Foto: Divulgação

Um vigilante que trabalhava na Secretaria de Educação de Pernambuco foi sequestrado e, em seguida, assassinado. O crime aconteceu na noite da última quinta-feira (12), na BR-101, no bairro de Paratibe, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. Maclínio José Eduardo, de 41 anos, estava em um veículo Gol, na companhia da filha, quando os dois foram sequestrados.

Os três homens deixaram a filha de Maclínio, uma adolescente de 14 anos, na rodovia e seguiram com a vítima. Desesperada, a menina conseguiu ajuda com uma viatura que passava pelo local. O carro do pai da menina foi encontrado, minutos depois, em Paratibe.

O vigilante foi encontrado morto, dentro do veículo, com o cinto enrolado no pescoço. O caso foi registrado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O delegado Joaquim Braga informou que vai trabalhar com a hipótese de execução. Até o momento, ninguém foi preso.

Veja também

Mais da metade dos inscritos falta ao 1º dia do Enem em meio à pandemia
Enem 2020

Mais da metade dos inscritos falta ao 1º dia do Enem em meio à pandemia

No primeiro dia, cem são vacinados no Hospital das Clínicas
Coronavírus

No primeiro dia, cem são vacinados no Hospital das Clínicas