Após visita de Alckmin, deputado da Igreja Mundial diz que evangélicos não definiram voto

Sobre as posições mais extremadas de Bolsonaro e se elas respeitam princípios cristãos, o deputado Olímpio comparou-o a Donald Trump

Geraldo AlckminGeraldo Alckmin - Foto: José Cruz / Agência Brasil

O deputado José Olímpio (DEM-SP), anfitrião da visita do candidato Geraldo Alckmin (PSDB) ao apóstolo Valdemiro Santiago na Igreja Mundial do Reino de Deus, nesta quinta-feira (23), afirmou que o segmento evangélico não tem voto definido.

"Estamos analisando, ouvindo as propostas", disse. "Geraldo está na minha coligação. Tenho que ser leal ao meu partido. Quanto ao segmento, é outra questão. O apóstolo está orando por todos."

Com apelo entre evangélicos, Jair Bolsonaro (PSL) foi chamado de amigo por Olímpio. "Está fazendo trabalho muito bom, tem defendido a família. Quero dizer a você que ele tem sido de uma grandeza até porque ele, como Geraldo, que é católico praticante, tem defendido a família, que é o principal eixo do país, a base da sociedade."

Sobre as posições mais extremadas de Bolsonaro e se elas respeitam princípios cristãos, o deputado Olímpio comparou-o a Donald Trump. "Pega o presidente dos Estados Unidos. Quem diria, eu não acreditava nisso, ele não pregava o que está fazendo hoje, defendendo os cristãos, os evangélicos. Depois lá dentro é que vamos ver a atitude."

Leia também:
Alckmin em ato com oposição, sem Armando
'Não sabe brincar, não desce para o play', diz Ciro a Bolsonaro
TSE aceita registro de candidatura de Marina Silva à Presidência

Alckmin ficou mais de uma hora com Valdemiro Santiago no templo ao lado do candidato a governador João Doria (PSDB) e ao Senado Ricardo Tripoli (PSDB). Eles não falaram com jornalistas.

Além da conversa sobre eleição, o apóstolo mostrou as instalações da igreja, descreveu suas ações sociais e relatou longamente sua história de vida, o nascimento em Minas, a perda da mãe na adolescência e a migração para São Paulo.

Veja também

Brasil barra voos de África do Sul e Reino Unido para impedir entrada de mutação do coronavírus
Mutação do coronavírus

Brasil barra voos de África do Sul e Reino Unido para impedir entrada de mutação do coronavírus

Produção da segunda vacina contra Covid-19 da Rússia começa em fevereiro
Vacina

Produção da segunda vacina contra Covid-19 da Rússia começa em fevereiro