Aprovados do vestibular do IFPE contam como foi o caminho da aprovação

Esta edição do vestibular contou com mais de 26 mil inscritos que concorreram a quase cinco mil vagas da instituição

Listão de aprovados do vestibular IFPE 2020.1Listão de aprovados do vestibular IFPE 2020.1 - Foto: Alexandre Aroeira / Folha de Pernambuco

O Instituto Federal de Pernambuco, IFPE, divulgou, na manhã dessa quinta-feira (9), o resultado do vestibular 2020.1. Entre os primeiros colocados estão Rebeca Leal de 14 anos, que tirou a maior nota, 94.4, na modalidade técnica integrada e a maior nota geral e Lucas Cleithon, 23, que atingiu a maior pontuação, 85.94 na modalidade técnica subsequente para o curso de eletrotécnica. As matrículas dos aprovados vão acontecer a partir da próxima segunda-feira (13) e seguem um calendário específico para cada campus.

Na modalidade dos cursos superiores, Aurélio Ricardo Ribeiro teve a maior nota geral, 81.82. Ele cursará Análise e Desenvolvimento de Sistemas, o curso de nível superior mais concorrido do Campus Recife, com 18,35 candidatos por vagas.

Leia também:
Justiça e Educação financiarão pesquisas em segurança pública
Encerradas provas do vestibular 2020 do IFPE

Os aprovados com as maiores notas contaram como foi o caminho até a aprovação. “Comecei um cursinho para o IFPE em janeiro, quando comecei as aulas do colégio. Era uma rotina bem corrida, pois fazia o cursinho duas vezes por semana, ainda inglês duas vezes por semana. As vezes não tinha nem tempo para estudar para o colégio. Mas tentava manter o foco, porque todo esforço que eu fizesse teria o resultado como consequência. Sabia que estava preparada”, disse Rebeca Leal, 14, primeiro lugar geral neste vestibular.

Sua vó, Jô Leal, 65, foi orgulhosa com a neta à instituição para receberem o resultado. “Sempre se empenhou, sempre que acessa a internet é para estudar, ela adora ler livros, é presente que ela mais gosta e pede. Rebeca sempre foi apaixonada pala química. Infelizmente, os pais dela não puderam vim porque estão em São Paulo. A mãe dela, minha nora, está em tratamento de um câncer. Ela sofre muito com a ausência, mas dedicou este prêmio para eles.”, finaliza Jô.

Lucas Cleithon, 23, foi o segundo colocado. Ele vai terminar o curso de Engenharia Mecânica no primeiro semestre de 2020 e isso lhe ajudou na classificação para o curso Técnico em Eletrotécnica. “Um amigo me indicou fazer este curso técnico, mas não me preparei muito. Como já faço engenharia, matemática não seria problema, mas precisei me esforçar em português e conhecimentos gerais.” relata o estudante.

Mesmo com uma formação superior quase concluída, Lucas, aposta nesta nova formação. “Decidi fazer este técnico devido à abrangência no mercado de trabalho, é melhor para disputar concursos públicos. Melhor que o curso de engenharia”, complementa.

Ainda na categoria técnica, Anderson Diego Cordeiro, 14, foi aprovado no curso de Saneamento Básico com a nota de 63.61. “Fiquei entre os primeiros. Desde o começo do ano comecei a estudar, mas os três meses antes da prova me dediquei mais, só estudei para o IFPE.” Encerra.

Esta edição do vestibular contou com mais de 26 mil inscritos que concorreram a quase cinco mil vagas da instituição. “Para o próximo ano, aproximadamente, a mesma quantidade de vagas serão ofertadas. São mais de sete mil vagas para dois vestibulares no ano, além de entradas como o Sisu e Prouni.”, contou a reitora do IFPE, Anélia Ribeiro.

O listão foi fixado no Bloco F após as 11h e a cada conferida a emoção tomava conta do lugar. Ao meio-dia a lista foi divulgada pela internet. Os aprovados no vestibular 2020.1 devem se atentar ao período de matrícula que será realizada neste mês de janeiro e pode mudar de acordo com cada Campus, pois cada unidade possuem cronogramas próprios. Todas as informações estão no Edital de Matrícula que pode ser acessado no site cvest.ifpe.edu.br.

Veja também

Pernambuco registra 1.450 novos casos e 29 óbitos por Covid-19
Coronavírus

Pernambuco registra 1.450 novos casos e 29 óbitos por Covid-19

Covid-19: entidade orienta sobre vacinação em pacientes reumáticos
Saúde

Covid-19: entidade orienta sobre vacinação em pacientes reumáticos