Argentinos são presos por traficar drogas em réplicas da taça da Copa

A polícia argentina prendeu na sexta-feira (22) seis pessoas sob acusação de usar réplicas da taça da Copa do Mundo para traficar drogas. O grupo, chamado pela imprensa local de "Narcos da Copa", foi detido em La Matanza, no distrito de Buenos Aires.

Argentinos são presos por traficar drogas em réplicas da taça da CopaArgentinos são presos por traficar drogas em réplicas da taça da Copa - Foto: HO/ Buenos Aires Province Security Ministry

A polícia argentina prendeu na sexta-feira (22) seis pessoas sob acusação de usar réplicas da taça da Copa do Mundo para traficar drogas. O grupo, chamado pela imprensa local de "Narcos da Copa", foi detido em La Matanza, no distrito de Buenos Aires.

De acordo com a imprensa argentina, a polícia encontrou 1,5 quilo de cocaína apenas em uma das taças. Também foram encontrados no local maconha, dois veículos de luxo e armas de fogo. As taças estariam sendo usadas porque, durante o Mundial, as réplicas não levantariam suspeitas.

Enquanto isso, na Rússia, a Argentina terá um jogo de vida ou morte às 15h de terça-feira (26), contra a Nigéria. Precisa vencer e ainda torcer contra a Islândia, que enfrenta a já classificada Croácia.

Leia também:
745 kg de cocaína são apreendidos dentro de abacaxis em Portugal
FAB intercepta avião que transportava 300 kg de pasta base de cocaína

Veja também

Brasil chega a 15,19 milhões de casos e 422,3 mil mortes por Covid-19
Coronavírus

Brasil chega a 15,19 milhões de casos e 422,3 mil mortes por Covid-19

Saúde distribui 1,12 milhão de vacinas da Pfizer a partir desta segunda-feira
Vacinação

Saúde distribui 1,12 milhão de vacinas da Pfizer a partir desta segunda-feira