Assaltado, homem pede ajuda para voltar para Brasília

Sem recursos e sem conseguir localizar os parentes, ele prestou queixa na Delegacia de Carpina e veio de carona para o Recife

 Sem recursos e sem conseguir localizar os parentes, ele prestou queixa na Delegacia de Carpina e veio de carona para o Recife. Sem recursos e sem conseguir localizar os parentes, ele prestou queixa na Delegacia de Carpina e veio de carona para o Recife.  - Foto: Arthur de Souza

O motorista André Roberto Rocha de Sousa, de 33 anos, veio de Brasília passar o Natal com familiares em Pernambuco - foi para Custódia e, de lá, seguiu para Carpina, onde foi assaltado na noite do último dia 25. No assalto, levaram todos os seus documentos, um celular Motorola Moto G, uma caixa de som e R$ 150,00 em espécie.

Sem recursos e sem conseguir localizar os parentes, o motorista prestou queixa na Delegacia de Carpina e veio de carona para o Recife. Na Delegacia de Boa Viagem, André Roberto procurou ajuda durante a semana e voltou neste domingo, pela manhã.

O delegado Paulo Clemente identificou que era um caso de assistência social e ligou para o secretário estadual de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, que solicitou o encaminhamento do motorista para a sede da secretaria, na Praça do Arsenal, no Recife, para providências sobre a sua estada em Pernambuco e seu retorno à Brasília.

Agentes do plantão na Delegacia de Boa Viagem procuraram o perfil de André Roberto no Facebook a fim de localizar os seus parentes.

Veja também

Uefa defende decisão sobre estádio em Munique mas adiciona cores do arco-íris em logo
DIVERSIDADE

Uefa defende decisão sobre estádio em Munique mas adiciona cores do arco-íris em logo

Angela Merkel critica lei húngara sobre LGBT e a considera "equivocada"
Mundo

Angela Merkel critica lei húngara sobre LGBT e a considera "equivocada"