RIO DE JANEIRO

Beatle, Sinatra e Kim Novak: cobertura à venda por R$ 59 milhões no RJ foi local de festas de luxo

Imóvel, que está anunciado há quatro anos, acumula dívidas de IPTU de quase R$ 1 milhão

Entrada do prédio que abriga a maior cobertura do país, na Zona Sul do Rio Entrada do prédio que abriga a maior cobertura do país, na Zona Sul do Rio  - Foto: Reprodução

Leia também

• Terceira mulher mais rica do mundo vende cobertura de 7 andares em NY por R$ 200 milhões; veja fotos

• Berlusconi: de mansões a iates, conheça herança deixada por bilionário italiano

• Um semestre glorioso para os bilionários: 500 mais ricos do mundo ficaram US$ 852 bi ainda mais rico

A suntuosidade da maior cobertura do Brasil, à venda no Flamengo, na Zona Sul do Rio, por R$ 59 milhões, não está só no preço. No piso de mármore italiano que reveste o imóvel de quase 4 mil metros quadrados, já pisaram Frank Sinatra, o beatle George Harrison, Dorival Caymmi e a estrela hollywoodiana Kim Novak.

A cobertura possui quatro andares e é localizada no edifício Tucumã, de frente para a praia. Com vista privilegiada para a Baía de Guanabara e o Pão de Açúcar, foi utilizada até como set de filmagem de séries como "Dom", exibida pelo Prime Vídeo.

Palco de grandes festas, jantares e recepções, o lugar foi frequentado por diversas personalidades. Filha do lendário playboy Jorginho Guinle, Georgiana Guinle conta que seu pai morou no palacete e chegou a levar Kim Novak, estrela de filmes de Hollywood como "Picnic" e "Vertigo", de Alfred Hitchcock, para se arrumar no imóvel para o carnaval do Rio.

Ela queria muito conhecer o carnaval do Rio e, para não serem reconhecidos, se vestiram de mendigos e foram para um bloco no Centro, anônimos. Como ela estava hospedada no Copacabana Palace, meu pai a levou para se disfarçar na cobertura da família lembra Georgiana, que não morou no local, mas o frequentou muito na infância.

Chefes de estado e monarcas, assim como grandes nomes da música, como Frank Sinatra e o baiano Dorival Caymmi, muito amigo dos Guinle, também frequentaram o imóvel. Outro famoso que fez barulho por lá foi o Beatle George Harrison. Ela conta que, apesar de desejar uma passagem low profile pelo Rio, o guitarrista, que se hospedou na cobertura, atraiu uma multidão de fãs aglomerados na portaria do empreendimento.

Eu tinha uns 7, 8 anos. Lembro que estava chegando do colégio, vi uma fila de gente que fazia looping na portaria e não sabia por que aquela multidão estava ali aglomerada. Mas ele não desceu, ele era muito simples e discreto diz Georgiana, acrescentando que, como seu pai, Harrison gostava muito de jazz e de blues. Eles ficavam curtindo discos juntos.

Membro da família Guinle, que habitou o imóvel durante anos, o sobrinho de Jorginho, Carlos Guinle, de 51 anos, viveu no palacete até os 8, na década de 1970. Ele também relembra as frequentes festas black tie oferecidas pelo tio, cheia de celebridades.

Era meio hipnótico sentar e conversar com ele. Meu tio era um poço de cultura sobre arte, música. Na década de 40 ele promovia jam sessions por lá, reunia amigos para ouvir um som e beber. Meu avô era muito amigo do (cantor e compositor) Dorival Caymmi, eles fizeram algumas parcerias nesses encontros. "Sábado em Copacabana" foi uma delas rememora orgulhoso.

Cenário de filme
O imóvel começou a ser vendido por R$ 65 milhões há quatro anos. Em busca de novas negociações, recentemente, teve o valor reduzido em R$ 6 milhões. Mas o futuro comprador pode preparar o bolso para outro custo: desde 2019, quando foi anunciada, a cobertura acumula dívidas com o IPTU, que ultrapassam R$ 862 mil.

Procurada pelo Globo, a proprietária disse desconhecer a dívida de IPTU de sua cobertura.

O pagamento de IPTU não fica sob minha responsabilidade. Não sou eu que pago afirma ela, acrescentando que quer vender a cobertura por ser grande demais para ela.

Enquanto não encontra um comprador, é alugado para eventos de luxo, com diárias de R$ 50 mil. A última produção filmada no local foi a série "Dom", que é exibida pelo Prime Vídeo. O luxuoso imóvel também serviu de cenário para novelas da TV Globo, como "O outro lado do paraíso", exibida entre 2017 e 2018, além de produções do cinema nacional.

Os andares do interminável apartamento são interligados por uma escada em forma de caracol, de mármore trazido da Europa, assim como o revestimento travertino (um tipo de mármore) das colunas na portaria do edifício. Lá no alto, o luxo espalha-se por cinco quartos, ambiente com pé-direito de 5,20 metros, salas de jantar, de estar e de jogos, além de piscina, duas saunas, jardim suspenso com árvores frutíferas, bar e adega.

Praticamente tudo que está ali veio da Europa: as estátuas, mudas de planta, todo o mármore da casa. Eu lembro da torneira dourada do lavabo, que tinha uma ave lindíssima desenhada. A cuba era toda de latão martelado à mão conta Carlos, sem disfarçar a saudade da bagunça que fazia: Descia a escada escorregando de pijama até lá embaixo. Meu pai ficava desesperado.

Veja também

ONU alerta que faltam 'muitas questões a resolver' antes da COP29
COP29

ONU alerta que faltam 'muitas questões a resolver' antes da COP29

FMI aprova desembolso de US$ 800 milhões para Argentina
Argentina

FMI aprova desembolso de US$ 800 milhões para Argentina

Newsletter