Brasil e Peru

Bolsonaro diz que diferenças estão superadas com presidente do Peru

Nesta quinta-feira, os governos dos dois países se comprometeram a trabalhar juntos para alcançar maior integração econômica

Presidente do Brasil Jair Bolsonaro (D) e do presidente do Peru PedroPresidente do Brasil Jair Bolsonaro (D) e do presidente do Peru Pedro - Foto: Alan Santos / Presidência / AFP

O presidente Jair Bolsonaro garantiu nesta quinta-feira (3) que as diferenças com seu homólogo peruano, e esquerdista Pedro Castillo, foram superadas e que os dois países trabalharão juntos para ter uma boa relação.

"Nós queremos uma América do Sul livre [...] Nós podemos até ter uma boa relação se a democracia impera de fato no seu país", disse Bolsonaro aos jornalistas, pouco antes de receber Castillo para um encontro bilateral em Porto Velho, Rondônia, estado que faz fronteira com o Peru.

O encontro marca uma aproximação entre Castillo e Bolsonaro, que não compareceu à cerimônia de posse de seu colega em julho do ano passado em Lima.

Faltando pouco para o término da apuração e diante da iminente vitória de Castillo, Bolsonaro disse que "apenas um milagre" impediria o triunfo do esquerdista frente à candidata de extrema direita Keiko Fujimori.

"Perdemos o Peru", chegou a dizer o presidente brasileiro naquela ocasião.

Adotando um tom mais pragmático, Bolsonaro disse hoje que "Brasil está se abrindo ao mundo todo" e que "todos os países da América do Sul" são importantes para seu governo.

"Tudo superado", respondeu o chefe de Estado brasileiro ao ser questionado por suas declarações sobre o triunfo de Castillo no ano passado.

Nesta quinta-feira, os governos dos dois países se comprometeram a trabalhar juntos para alcançar maior integração econômica e cooperação em assuntos de saúde e defesa, segundo uma nota conjunta firmada pelos ministérios de Relações Exteriores de ambos após a reunião.

Bolsonaro e Castillo também se comprometeram a iniciar negociações para estabelecer dois corredores logísticos que ofereçam ao Brasil uma saída para o Oceano Pacífico.

Os dois países compartilham uma fronteira de quase 3.000 km. Em 2021, as trocas comerciais entre Brasil e Peru chegaram a mais de 4 bilhões de dólares. Além disso, o Brasil é o quarto maior parceiro comercial do Peru.

Veja também

Inscrições abertas para a terceira edição do programa Meu Diploma do Ensino Médio
CAPACITAÇÃO

Inscrições abertas para a terceira edição do programa Meu Diploma do Ensino Médio

Febre Oropouche: conheça os sintomas da doença que teve 1º caso confirmado no Rio de Janeiro
rio de janeiro

Febre Oropouche: conheça os sintomas da doença que teve 1º caso confirmado no Rio de Janeiro