Bolsonaro diz ter solicitado mudança na Previdência a pedido da primeira-dama

"Pedidos de uma primeira-dama geralmente são irrecusáveis e inadiáveis também, nós já passamos para o Rogério Marinho esta questão e tenho certeza que ele vai atender a um pedido da primeira-dama", disse Bolsonaro

Michelle Bolsonaro acena e Bolsonaro mostra faixaMichelle Bolsonaro acena e Bolsonaro mostra faixa - Foto: Evaristo Sá/AFP

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira (31) ter pedido ao Secretário Especial da Previdência, Rogério Marinho, que revisse um ponto da reforma que trata sobre pensão para deficientes.

"Pedidos de uma primeira-dama geralmente são irrecusáveis e inadiáveis também, nós já passamos para o Rogério Marinho esta questão e tenho certeza que ele vai atender a um pedido da primeira-dama", disse Bolsonaro. A declaração foi dada em resposta a um questionamento feito sobre a reforma da Previdência retirar pensão de deficientes intelectuais de grau leve e moderado.

Leia também:
Se reforma da Previdência não for aprovada, o Brasil quebra, diz Bolsonaro em programa de TV
Secretário de Comunicação diz que reforma da Previdência já tem engajamento popular
DEM faz ato com indiretas a Bolsonaro


O questionamento foi feito ao ser mencionado o discurso da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, na posse, feito em Libras (Linguagem Brasileira de Sinais). A declaração do presidente foi feita em Goiânia (GO), em café da manhã no Palácio das Esmeraldas, sede do governo de Goiás.

Em tramitação na Câmara, a reforma da Previdência é considerada prioridade pelo governo Bolsonaro e deve ter seu relatório com as primeiras alterações apresentado nas próximas semanas.

Veja também

Confinamento contra Covid-19 é útil para América Latina? Depende, diz FMI
Coronavírus

Confinamento contra Covid-19 é útil para América Latina? Depende, diz FMI

DEM expulsa Rodrigo Maia, que chama presidente do partido de 'Torquemada Neto'
Política

DEM expulsa Rodrigo Maia, que chama presidente do partido de 'Torquemada Neto'