Brasil doa vacina antirrábica para o Haiti

País é um dos mais afetados pela doença

VacinaçãoVacinação - Foto: Erasmo Salomao/Ministério da Saúde

Atendendo a apelo do governo do Haiti, o Brasil doou para aquele país cerca de 7 mil doses de vacina antirrábica humana nesta terça-feira (7). O transporte a Porto Príncipe foi custeado pela Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), segundo o Itamaraty. A doença afeta quatro países da América Latina e do Caribe - Guatemala, Haiti, República Dominicana e Haiti, segundo dados da OPAS.

Em 2017, o Brasil já havia doado 15 mil doses da vacina antirrábica para o Haiti.

Leia também:
Duas cidades pernambucanas já atingiram meta de vacinação de gripe
Após surto, Alemanha quer tornar obrigatória vacina contra sarampo


De acordo com o Ministério da Saúde, as doações brasileiras em ações de cooperação humanitária não privam os brasileiros do direito de acesso a medicamentos, destinados a tais iniciativas apenas quando não há carência no atendimento prioritário a pacientes nacionais.

Veja também

Médicos são os primeiros vacinados com a dose de Oxford no Brasil
VACINAÇÃO

Médicos são os primeiros vacinados com a dose de Oxford no Brasil

Primeiras doses da vacina AstraZeneca/Oxford chegam a Pernambuco neste domingo
VACINAÇÃO

Primeiras doses da vacina AstraZeneca/Oxford chegam a Pernambuco neste domingo