Brasil registra recorde de mortes pela Covid-19 pelo segundo dia seguido

Nas últimas 24h foram registrados novos 28.633 contágios e 1.349 mortes pela doença

Coveiro encara túmulos durante pandemiaCoveiro encara túmulos durante pandemia - Foto: Michael Dantas / AFP

Com mais de 500 mil casos, o Brasil figura entre os países de maior risco à saúde pela exposição ao novo coronavírus no mundo. Nesta quarta-feira (3), o boletim do Ministério da Saúde divulgou o número de 28.633 novas confirmações de pessoas com a doença e 1.349 novas mortes causadas pela Covid-19. O recorde de mortes diário havia sido quebrado na terça-feira (2), com 1.262 óbitos confirmados da doença.

Com isso, país chegou a marca de 584.016 contaminados pelo novo coronavírus e 32.548 novas mortes pela Covid-19. Também foi divulgado o número de pessoas curadas da doença, que chega no total de 238.617.

Boletim de casos do novo coronavírus no Brasil no dia 3 de junho de 2020

Boletim de casos do novo coronavírus no Brasil no dia 3 de junho de 2020 - Crédito: Divulgação / Ministério da Saúde

Leia também:
Em meio a pandemia do coronavírus, Pernambuco registra queda de arboviroses
Pensando apenas no lado da saúde, o ideal seria não reabrir agora, diz Marcos Boulos


Pernambuco, que passou algumas semanas figurando entre os estados com mais casos da doença, em quarto lugar, figura agora em sétimo lugar dentre os estados com aumento do número de casos. A estagnada na curva do Estado é um reflexo das políticas de aumento do isolamento social.  

 

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Fiocruz busca avaliar impactos do isolamento social por conta da Covid-19
Pesquisa

Fiocruz busca avaliar impactos do isolamento social por conta da Covid-19

Em depoimento sobre ferimentos, Joice Hasselmann critica Heleno e diz não confiar na PF
DEPOIMENTO

Em depoimento sobre ferimentos, Joice Hasselmann critica Heleno e diz não confiar na PF