Pandemia

Brasil se aproxima de 176 mil mortes pela Covid-19

País já tem mais de 6,5 milhões de casos oficialmente notificados da doença

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o Brasil vive situação delicada em relação à pandemiaSegundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o Brasil vive situação delicada em relação à pandemia - Foto: Paullo Allmeida/ Folha de Pernambuco

Nesta sexta-feira (4), o Ministério da Saúde notificou mais 694 óbitos em razão da Covid-19 no Brasil. Desses, 546 ocorreram nos últimos três dias. Com isso, o País passa a somar 175.964 mortes por complicações da doença provocada pelo novo coronavírus. 

Vale ressaltar, no entanto, que ainda existem 2.183 casos suspeitos de morte pela Covid-19 aguardando comprovação laboratorial. A mortalidade no Brasil, no momento, está em torno de 2,69%. 

No total, já são 6.533.968 casos confirmados da doença com registro oficial no País. Entre esses notificados, 5.774.369 estão recuperados, enquanto outros 613.635 estão com a doença em curso no momento. É importante lembrar que alguns casos ativos são pacientes com suspeita de reinfecção, ou seja, que já tiveram a doença anteriormente. 

O consórcio dos veículos de Imprensa, uma colaboração inédita entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus, com dados coletados diretamente com as secretarias de saúde estaduais, notificou 674 mortes e 47.435 novos casos positivos. O total é de 175.981 óbitos e 6.534.951 de infecções pelo novo coronavírus desde o começo da pandemia.

O jornal Folha de S.Paulo também divulga a chamada média móvel. O recurso estatístico busca dar uma visão melhor da evolução da doença, pois atenua números isolados que fujam do padrão. A média móvel é calculada somando o resultado dos últimos sete dias, dividindo por sete. 

De acordo com os dados coletados até as 20h desta sexta, a média de mortes nos últimos sete dias é de 569, o que representa crescimento de 5% em relação a 14 dias atrás, um cenário de estabilidade de mortes. Nas últimas semanas, o País variou entre situações de queda da média, chegando a uma estabilidade posterior e, recentemente, passando a apresentar crescimentos.

A média recente, porém, foi afetada por um apagão de dados de alguns estados. De toda forma, dados do País e especialistas que os acompanham têm apontado tendências de aumento de casos de Covid-19, o que normalmente precede o crescimento das mortes pela doença.

Boletim 04/12

Boletim do dia 04/12. Fonte: Ministério da Saúde 

Veja também

Municípios dão início à etapa de vacinação contra Covid-19 para idosos. Saiba como fazer cadastro
Saúde

Municípios dão início à etapa de vacinação contra Covid-19 para idosos. Saiba como fazer cadastro

Bolsonaro participa de celebração nacional da Índia na embaixada
Governo Federal

Bolsonaro participa de celebração nacional da Índia na embaixada