A-A+

Coronavírus

Brasil ultrapassa marca de 60% da população adulta vacinada com a primeira dose contra a Covid-19

País se aproxima da marca de 100 milhões de primeiras doses aplicadas

Recebimento de imunizantes da PfizerRecebimento de imunizantes da Pfizer - Foto: Miva Filho/SES-PE

O Brasil ultrapassou, nessa segunda-feira (26), a marca de 60% da população adulta vacinada com a primeira dose contra a Covid-19, segundo dados oficiais do Ministério da Saúde. 

Ao todo, 96.338.520 pessoas receberam a primeira dose no País. Há cerca de 160 milhões de adultos no Brasil. 

Além disso, 37.932.515 tomaram a segunda dose ou a dose única e já estão com o ciclo de imunização completo, segundo o Ministério da Saúde. O total corresponde a cerca de 24% dos adultos. 

O País enviou, até segunda-feira, 164,4 milhões de doses enviadas para os estados, sendo 81,5 milhões da AstraZeneca/Oxford, 60,4 milhões da Coronavac/Sinovac, 17,8 milhões de Pfizer/BioNTech e 4,7 milhões da Janssen, imunizante de dose única. 

A previsão para agosto é de que sejam entregues pelos fabricantes ao Ministério da Saúde pelo menos 63 milhões de doses.

Pernambuco
Pernambuco aplicou, até segunda-feira, 5.632.400 doses de vacinas contra a Covid-19 na sua população, desde o início da campanha de imunização no Estado. 

Desse total, 1.545.969 pernambucanos completaram seus esquemas vacinais, sendo 1.381.834 pessoas que foram vacinadas com imunizantes aplicados em duas doses e outros 164.135 pernambucanos que foram contemplados com vacina aplicada em dose única. 

O percentual de população adulta com as duas doses ou dose única está em 21,4% - a estimativa é de um total de 7,2 milhões de habitantes.

Em relação às primeiras doses, foram 4.086.431 aplicações, cerca de 56,8% dos adultos.

Veja também

Corte alemã pode ter decisão sobre Brumadinho em quatro meses
Brumadinho

Corte alemã pode ter decisão sobre Brumadinho em quatro meses

Governo estuda facilitar importação de produtos da cesta básica para reduzir preços
Cesta Básica

Governo estuda facilitar importação de produtos da cesta básica para reduzir preços