Analistas tributários iniciam greve de 48 horas

Analistas tributários da Receita Federal iniciaram nesta terça-feira uma greve de 48 horas contra o descumprimento do acordo salarial que, segundo eles, foi assinado em março de 2016

Ato público de analistas-tributários no RecifeAto público de analistas-tributários no Recife - Foto: Brenda Alcântara / Folha de Pernambuco

Analistas tributários da Receita Federal iniciaram nesta terça-feira (3) uma greve de 48 horas contra o descumprimento do acordo salarial que, segundo eles, foi assinado em março de 2016. Segundo o Sindicato Nacional dos Analistas Tributários da Receita Federal do Brasil (Sindireceita), a greve é também contra “medidas que afrontam direitos dos servidores públicos de forma geral”.

O sindicato informou que a paralisação dos analistas tributários abrange cerca de sete mil servidores em todo o país, o que poderá inviabilizar o atendimento de serviços como emissão de certidões negativas e de regularidade; restituições e compensações; inscrições e alterações cadastrais; regularização de débitos e pendências; parcelamentos de débitos e orientação aos contribuintes.

O Sindireceita informou que os analistas tributários não atuarão em unidades aduaneiras, nem portos, aeroportos ou postos de fronteira. Também estão paralisados os serviços em alfândegas, inspetorias, despachos de exportação e verificações de mercadorias ou embarque de suprimentos.

Leia também:
Nova página reúne serviços da Receita Federal para o público
IR: Receita Federal recebeu 6,5 milhões em quase um mês

O presidente do Sindireceita, Geraldo Seixas, disse que a mobilização “é um protesto contra o inexplicável descumprimento do acordo salarial assinado com a categoria há mais de três anos”.

Ele acrescentou que a greve foi deflagrada em protesto contra medidas que "afrontam direitos de servidores públicos" e "impactam o bom oferecimento de serviços à população" – caso dos programas de demissão voluntária, da suspensão dos concursos públicos, dos cortes no orçamento de ministérios, órgãos de Estados, autarquias e fundações.

Veja também

Burger King é interditado em Salvador após aglomerar com promoção de Dia das Bruxas
Bahia

Burger King é interditado em Salvador após aglomerar com promoção de Dia das Bruxas

Cadeirante morre após ser jogado de viaduto em Bauru, interior de SP
São Paulo

Cadeirante morre após ser jogado de viaduto em Bauru, interior de SP