Declaração de dados para o Censo da Educação Superior termina nesta sexta-feira

Instituições de ensino públicas e privadas são responsáveis pelo envio das informações

EstudantesEstudantes - Foto: Agência Educa Mais Brasil

As instituições de ensino superior públicas e privadas de todo o país devem enviar até esta sexta-feira, dia 5, através do Sistema Censup as informações relativas ao Censo da Educação Superior 2019. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo Censo, ampliou o prazo para a coleta dos dados por causa da pandemia do coronavírus, que poderia influenciar o cadastro pelas instituições devido ao isolamento social.

O procedimento de envio das informações deve ser realizado por um pesquisador institucional, designado por cada instituição de ensino para representá-la. É o pesquisador quem responderá aos questionários eletrônicos do Sistema Censup, ficando também responsável por checar possíveis inconsistências dos dados declarados.

De acordo com o Inep, as universidades devem realizar a declaração dos dados, tendo em vista que o Censo da Educação Superior é pré-requisito para a participação em programas educacionais do Ministério da Educação (MEC), como o Prouni, Fies e as bolsas da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

Segundo o Inep, com a atualização do cronograma, os próximos passos do Censo são os ajustes dos dados declarados além do envio das justificativas caso haja inconsistências nas informações no prazo entre 8 e 26 de junho.

Sobre o Censo da Educação Superior
Realizado anualmente pelo Inep, o Censo é o sistema de informações mais completo do Brasil sobre as entidades de ensino públicas e privadas, que ofertam cursos de graduação, além de fornecer dados que traçam os perfis de alunos e docentes.

O Censo serve ainda de base para os cálculos do Conceito Preliminar de Curso (CPC) e do Índice Geral de Cursos (IGC), dois dos Indicadores da Qualidade da Educação Superior divulgados pelo Inep

Veja também

Em cadeia nacional, Queiroga defende vacinação e apela para que pessoas tomem a 2ª dose
VACINAÇÃO

Em cadeia nacional, Queiroga defende vacinação e apela para que pessoas tomem a 2ª dose

Covid-19: Anvisa recebe solicitação de uso de medicamento da Pfizer
Coronavírus

Covid-19: Anvisa recebe solicitação de uso de medicamento da Pfizer