Em São Paulo, ruas ainda estão sem energia quase dois dias após tempestade

Temporal matou uma pessoa, derrubou 154 árvores sobre a rede elétrica, alagou vias e causou transtornos no trânsito

Governador Paulo CâmaraGovernador Paulo Câmara - Foto: Mandy Oliver/Arquivo Folha

Parte de São Paulo ainda continua sem energia elétrica na tarde deste sábado (22), em decorrência de uma tempestade que atingiu a capital paulista há quase dois dias. O temporal, registrado na tarde desta quinta-feira (20), matou uma pessoa, derrubou ao menos 154 árvores sobre a rede elétrica, alagou vias e causou transtornos no trânsito.

A região mais afetada pela falta de energia elétrica é a zona oeste da cidade, informou a Eletropaulo, companhia que administra o serviço. De acordo com a empresa, 90% dos problemas ocasionados pela chuva já foram resolvidos.

Há ainda 17 locais em que as equipes estão trabalhando para a reconstrução das redes. Os principais estão nas ruas Leopoldina e Guararapes, na Lapa, e Macunis, em Pinheiros. Segundo Marcelo Puertas, gerente de operações da Eletropaulo, o fornecimento de energia será normalizado em toda a capital até o fim da tarde hoje.

Veja também

Após 5 anos, atingidos pela lama em Mariana esperam reparação
Tragédia

Após 5 anos, atingidos pela lama em Mariana esperam reparação

Eleições 2020: candidatos agora só podem ser presos em flagrante
Política

Eleições 2020: candidatos agora só podem ser presos em flagrante