Força-Tarefa Penitenciária permanecerá por mais 90 dias no Pará

Força-Tarefa, que atua no estado desde 30 de julho, está designada a exercer a coordenação das atividades de guarda, de vigilância e de custódia de presos

Policial patrulha os arredores do Centro de Recuperação Regional de Altamira depois que detentos foram mortos em uma rebeliãoPolicial patrulha os arredores do Centro de Recuperação Regional de Altamira depois que detentos foram mortos em uma rebelião - Foto: Bruno Santos/AFP

A Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária vai permanecer por mais 90 dias no estado de Pará, de acordo com portaria do Ministério da Justiça e Segurança Pública, publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (25)

Segundo o documento, a Força-Tarefa, que atua no estado desde 30 de julho de 2019, está designada a exercer a coordenação das atividades de guarda, de vigilância e de custódia de presos, a partir de segunda-feira (28) até o dia 25 de janeiro de 2020.

Leia também:
CNJ pede informações sobre presídio em Altamira
Pará e Espírito Santo podem ser atingidos por manchas de óleo

A operação terá o apoio logístico e a supervisão dos órgãos de administração penitenciária e segurança pública do governo paraense, que solicitou a prorrogação.

“O número de profissionais a ser disponibilizado pelo ministério obedecerá ao planejamento definido pelos entes envolvidos na operação”.

Veja também

Covid-19: Brasil acumula 5,49 milhões de casos e 158,9 mil mortes
boletim

Covid-19: Brasil acumula 5,49 milhões de casos e 158,9 mil mortes

Vendas de imóveis batem novo recorde em agosto com alta de 64%
imóveis

Vendas de imóveis batem novo recorde em agosto com alta de 64%