Fórum Mundial da Água tem evento preparatório em Foz do Iguaçu

A programação inclui painéis sobre segurança e responsabilidade hídrica, gestão participativa, desenvolvimento regional sustentável e outras questões envolvendo água no Brasil e na América Latina.

O encontro Rumo a Brasília 2018 é uma preparação para o 8º Fórum Mundial da ÁguaO encontro Rumo a Brasília 2018 é uma preparação para o 8º Fórum Mundial da Água - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Foz do Iguaçu recebe hoje (23) o evento Rumo a Brasília 2018, como parte da preparação para o 8º Fórum Mundial da Água, que ocorre na capital do país entre os dias 18 e 23 de março. A programação inclui painéis sobre segurança e responsabilidade hídrica, gestão participativa, desenvolvimento regional sustentável e outras questões envolvendo água no Brasil e na América Latina. Participam da reunião representantes brasileiros e de países vizinhos.

“O objetivo geral do encontro é integrar os participantes para produzir propostas e soluções nas esferas econômica, política, tecnológica e cultural para levar aos debates em Brasília”, informou o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur). A programação completa está disponível no site do fórum.

O encontro Rumo a Brasília 2018 é uma iniciativa da Seção Brasileira do Conselho Mundial da Água e ocorre em cinco capitais brasileiras e duas latino-americanas. O evento já foi sediado pelas cidades de Belém, Belo Horizonte, Tijuana (México), Santiago (Chile) e São Paulo. Depois de Foz do Iguaçu, Salvador receberá a última edição da reunião, antes do 8º Fórum Mundial da Água.

Hemisfério Sul

Esta é a primeira vez que o Fórum Mundial da Água ocorre no Hemisfério Sul. O tema da oitava edição, Compartilhando Água, será debatido por representantes de governos, movimentos sociais, de empresas públicas e privadas de diversos países.

A organização espera receber mais de 60 chefes de Estado em Brasília, além de especialistas internacionais. Na programação, estão previstos mais de 200 debates e atividades educativas, informativas e culturais.

Espaço gratuito

Na edição de Brasília, o evento vai contar com um espaço gratuito, chamado Vila Cidadã, uma espécie de arena de debates, palestras, exposições, cinema, artesanato, bate-papos e espaço gourmet.
A estrutura ficará montada no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, próximo ao Centro de Convenções Ulysses Guimarães.

O 8º Fórum Mundial da Água é organizado pelo Conselho Mundial da Água, pelo governo de Brasília e pelo Ministério do Meio Ambiente, representado pela Agência Nacional das Águas (ANA).

Criado em 1996 pelo Conselho Mundial da Água, o fórum foi idealizado para estabelecer compromissos políticos acerca dos recursos hídricos. O evento ocorre a cada três anos e já passou por Daegu, na Coreia do Sul (2015); Marselha, na França (2012); Istambul, na Turquia (2009); Cidade do México, no México (2006); Kyoto, no Japão (2003); Haia, na Holanda (2000); e Marrakesh, no Marrocos (1997).

Veja também

Após reunião com Mourão, fundo nórdico diz que falta plano sobre desmatamento
Meio Ambiente

Após reunião com Mourão, fundo nórdico diz que falta plano sobre desmatamento

Senadores cobram negociação para não derrubar veto de Bolsonaro à desoneração da folha
pagamento

Senadores cobram negociação para não derrubar veto de Bolsonaro à desoneração da folha