Incêndio atinge 200 moradias na Zona Noroeste de Santos

Começa nesta terça (3) às 14h a distribuição de roupas e alimentos às vítimas

Novo plenário da Assembleia LegislativaNovo plenário da Assembleia Legislativa - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

Cerca de 200 moradias foram destruídas por um incêndio na noite de segunda-feira (2) em uma área de 6 mil metros quadrados, no bairro Rádio Clube, na Zona Noroeste de Santos, na região metropolitana da Baixada Santista.

As casas ficavam no Caminho São José e no Caminho São Sebastião. Segundo estimativas da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e da Subprefeitura da Zona Noroeste, o fogo começou por volta das 20h30 e foi controlado às 23h. Segundo o Corpo de Bombeiros, o rescaldo e uma vistoria já foram feitos na área e não há mais viaturas no local.

De acordo com nota da Prefeitura de Santos, o Centro de Convivência São José (Rua Tenente Durval do Amaral, 366) começa nesta terça (3) às 14h a distribuição de roupas e alimentos às vítimas.

Entretanto, a prefeitura informou também que a distribuição de objetos de necessidade básica já começou ontem à noite, assim como o cadastramento das vítimas. Até às 2h da madrugada foram distribuídas 315 senhas de pessoas atendidas na Escola Pedro Crescente. O atendimento foi prestado por 35 técnicos da Secretaria de Assistência Social (Seas), mais voluntários da Defesa Civil e Secretaria de Educação. Apenas cinco pessoas solicitaram vaga em abrigo público.

Antes de retirarem as doações as vítimas precisam passar no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Rádio Clube (Av. Brigadeiro Faria Lima, s/n) para a confirmação de dados e pegar senha para tirar as doações. As doações para as vítimas estão concentradas no Fundo Social de Solidariedade, que depois repassa o material.

Segundo a Prefeitura, a primeira vítima do incêndio foi Creuza Maria da Silva, 51 anos, que deu entrada às 21h48 no PS da Zona Noroeste com crise nervosa. O mesmo problema de outras quatro vítimas atendidas. Até a meia-noite 11 pessoas foram assistidas no local.

Veja também

Brasil contabiliza quase 43 mil novos casos de Covid-19
Coronavírus

Brasil contabiliza quase 43 mil novos casos de Covid-19

Bolsonaro diz que Fiocruz entrega mais 18 milhões de vacinas esse mês

Bolsonaro diz que Fiocruz entrega mais 18 milhões de vacinas esse mês