Marido de Caroline Bittencourt foi avisado da tempestade por mensagem

Modelo foi encontrada morta no dia 29 de abril, em São Sebastião, no litoral de SP. Companheiro foi indiciado por homicídio culposo por assumir risco

Jorge Sestini e Caroline BittencourtJorge Sestini e Caroline Bittencourt - Foto: Reprodução/Instagram

“Está indo na direção de vocês. Abriguem-se, ok? Já estamos em emergência aqui”, dizia uma mensagem direcionada ao empresário Jorge Sestini, marido da modelo Caroline Bittencourt, encontrada morta no dia 28 de abril em São Sebastião, município-arquipélago do litoral de São Paulo. A mensagem foi escrita pelo homem que guardava a embarcação usada pela dupla no dia do acidente que vitimou a modelo. A informação foi divulgada no programa Fala Brasil, da Record TV.

A decisão foi tomada após o delegado da Polícia Civil da cidade reavaliar o inquérito. Segundo o depoimento de Lenildo da Ressureição Oliveira Carvalho, dono do local onde o empresário guardava a embarcação, Sestini havia sido informado sobre uma tempestade que iria atingir a cidade durante o fim de semana.

Leia também:
Polícia diz que vai indiciar marido por morte de Carol Bittencourt
'Uma imensa sensação de vazio', diz filha de Caroline Bittencourt

Na sexta, dois dias antes do acidente, o empresário pediu para Carvalho que colocasse o catamarã na água, pois iria para a cidade no fim de semana. No domingo, quando já estava no mar com a modelo, ele havia recebido uma mensagem alertando sobre a tempestade que ia atingir o local. “Está indo na direção de vocês. Abriguem-se”, dizia o aviso.

O aplicativo de mensagens confirmou que Sestini leu a mensagem, no domingo, às 15h44. O temporal teria atingido a embarcação do empresário por volta das 17h. Naquela tarde, um temporal atingiu a região. A embarcação onde o empresário e a modelo estavam virou. Caroline ficou desaparecida por um dia, enquanto que Sestini conseguiu nadar até a costa e pedir socorro. O corpo da modelo foi encontrado na segunda-feira (29).

Na noite desta segunda-feira (6), Sestini foi indiciado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. De acordo com as investigações da Polícia Civil, o empresário assumiu o risco ao aceitar embarcar mesmo após ser alertado sobre o mau tempo. A reportagem do R7 não conseguiu contato com a defesa de Sestini.

Veja também

Pernambuco receberá 62 mil doses da vacina da Janssen contra a Covid-19
Vacina

Pernambuco receberá 62 mil doses da vacina da Janssen contra a Covid-19

Alvo de investigações, Ricado Salles pede demissão do governo
Meio Ambiente

Alvo de investigações, Ricado Salles pede demissão do governo