Movimento contra PEC alcança seis estados

Bahia, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Santa Catariana e São Paulo enfrentam transtornos com bloqueios e outras mobilizações

Fernando Filho e Mendonça participam de evento da oposição em IpojucaFernando Filho e Mendonça participam de evento da oposição em Ipojuca - Foto: Ivaldo Réges/divulgação

Pelos menos cinco outros estados, além de Pernambuco, registram protestos na manhã desta sexta-feira (11) contra a proposta de emenda constitucional (PEC) que limita os gastos públicos. Também há ocorrências no Distrito Federal.

Bahia, Rio grande do Sul, Rio Grande do Norte, Santa Catariana e São Paulo enfrentam transtornos com bloqueios de estradas e outras mobilizações de professores e bancários.

Ônibus pararam em Salvador, Brasília, Natal e Região Metropolitana, Florianópolis e diversos pontos da Grande São Paulo. Em Porto Alegre, houve piquetes para impedir a saída de ônibus da Carris, empresa pública de transporte coletivo da capital gaúcha. Mas a Brigada Militar reagiu com bombas de efeito moral, e possibilitou a saída dos veículos. O mesmo ocorreu em frente a outras empresas que prestam serviço de transporte coletivo em Porto Alegre.

Na Bahia, o Sindicato dos Bancários anunciou que a categoria também irá aderir à paralisação. Por conta disso, as agências ficarão com as portas fechadas até as 12h. Igualmente, os professores estaduais anunciaram que também irão aderir ao movimento, sem informar quando as aulas serão repostas.

Os docentes municipais também irão aderir à paralisação. No caso deles, a reposição das aulas vai acontecer no dia 19 de novembro. Já no DF os estudantes da rede pública devem ficar sem aulas até segunda-feira (14).

Veja também

Contra fuga de passageiros, transporte pós-pandemia terá que rever modelos
TRANSPORTE

Transporte pós-pandemia terá que rever modelos

Após reunião com Mourão, fundo nórdico diz que falta plano sobre desmatamento
Meio Ambiente

Após reunião com Mourão, fundo nórdico diz que falta plano sobre desmatamento