Onças monitoradas são caçadas

Desde que o órgão iniciou o acompanhamento dos animais na região, em 2007, houve a morte de ao menos 40 onças-pardas - metade atropeladas, metade por tiros.

TRT-PETRT-PE - Foto: Divulgação

 

Kami, uma onça-parda ma­cho de três anos, foi encontrada ferida em junho em uma armadilha para javaporcos próxima a Amparo (133 km de São Paulo). Tratada e recuperada em um processo que levou 58 dias, voltou à natureza com um colar de identificação por GPS. No mês passado, foi achada morta a tiros. Assim como Kami, somente neste ano quatro onças-pardas (ou sussuaranas) monitoradas com colares foram encontradas mortas a tiros.

Desde que o órgão iniciou o acompanhamento dos animais na região, em 2007, houve a morte de ao menos 40 onças-pardas - metade atropeladas, metade por tiros. Os principais motivos são o avanço da cana-de-açúcar, cuja colheita afugenta os animais, e a autorização em 2013 do Ibama, órgão ambiental federal, para a caça do javaporco. Segundo ambientalistas, os caçadores acabam pegando também as onças.

 

Veja também

Em ofensiva contra aborto, governo estabelece em diretriz o direito à vida desde a concepção
Aborto

Em ofensiva contra aborto, governo estabelece em diretriz o direito à vida desde a concepção

Suspeito de matar ator de 'Chiquititas' e os pais dele fez documento falso no Paraná, diz polícia
Crime

Suspeito de matar ator de 'Chiquititas' e os pais dele fez documento falso no Paraná, diz polícia