Tremor de magnitude 5.8 é registrado a cerca de mil km da costa do Nordeste

Possibilidade de tsunami foi descartada pelo Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

O epicentro do tremor está simbolizado pela estrela vermelhaO epicentro do tremor está simbolizado pela estrela vermelha - Foto: Reprodução/LabSis/UFRN

Um tremor de magnitude 5.8 na escala Richter foi registrado no Oceano Atlântico, próximo ao Nordeste brasileiro. O evento ocorreu à 0h40 desta segunda-feira (5) e foi registrado pelo Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN).

O epicentro do terremoto foi localizado a 163 quilômetros do Arquipélago de São Pedro e São Paulo, um conjunto de ilhas rochosas; a 738 km de Fernando de Noronha, em Pernambuco; a 1.100 km de São Miguel do Gostoso e a 1.111 km de Natal, no Rio Grande do Norte; e a 1.295 km de Fortaleza, no Ceará.

Por causa da magnitude, considerada moderada pela Escala de Richter, e a proximidade de São Pedro e São Paulo, o tremor foi sentido na base de pesquisa da universidade instalada no arquipélago.

Leia também:
Terremoto na Indonésia deixa quatro mortos e vários feridos
Terremotos matam pelo menos 8 pessoas e ferem 60 nas Filipinas
Terremoto de magnitude 5.3 abala Atenas
 

Devido à proximidade com a costa do Nordeste brasileiro, o assunto foi muito comentado no Twitter e chegou aos trending topics da rede. Muitos internautas se preocuparam com o boato que o tremor pudesse ocasionar um tsunami. Porém, de acordo com o LabSis em nota, “falhas transcorrentes, no meio do oceano, mesmo para magnitudes maiores, não provocam tsunamis.”

Veja também

Brasil supera 4,5 milhões de infectados pelo novo coronavírus
Coronavírus

Brasil supera 4,5 milhões de infectados pelo novo coronavírus

Governador interino do RJ prorroga restrições e adia plano de retorno de torcidas
Rio de Janeiro

Governador interino do RJ prorroga restrições e adia plano de retorno de torcidas