Tremor de magnitude 5.8 é registrado a cerca de mil km da costa do Nordeste

Possibilidade de tsunami foi descartada pelo Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

O epicentro do tremor está simbolizado pela estrela vermelhaO epicentro do tremor está simbolizado pela estrela vermelha - Foto: Reprodução/LabSis/UFRN

Um tremor de magnitude 5.8 na escala Richter foi registrado no Oceano Atlântico, próximo ao Nordeste brasileiro. O evento ocorreu à 0h40 desta segunda-feira (5) e foi registrado pelo Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN).

O epicentro do terremoto foi localizado a 163 quilômetros do Arquipélago de São Pedro e São Paulo, um conjunto de ilhas rochosas; a 738 km de Fernando de Noronha, em Pernambuco; a 1.100 km de São Miguel do Gostoso e a 1.111 km de Natal, no Rio Grande do Norte; e a 1.295 km de Fortaleza, no Ceará.

Por causa da magnitude, considerada moderada pela Escala de Richter, e a proximidade de São Pedro e São Paulo, o tremor foi sentido na base de pesquisa da universidade instalada no arquipélago.

Leia também:
Terremoto na Indonésia deixa quatro mortos e vários feridos
Terremotos matam pelo menos 8 pessoas e ferem 60 nas Filipinas
Terremoto de magnitude 5.3 abala Atenas
 

Devido à proximidade com a costa do Nordeste brasileiro, o assunto foi muito comentado no Twitter e chegou aos trending topics da rede. Muitos internautas se preocuparam com o boato que o tremor pudesse ocasionar um tsunami. Porém, de acordo com o LabSis em nota, “falhas transcorrentes, no meio do oceano, mesmo para magnitudes maiores, não provocam tsunamis.”

Veja também

Suspeitos de participar de assalto a banco em Criciúma (SC) são presos
Criciúma

Suspeitos de participar de assalto a banco em Criciúma (SC) são presos

Vacinação contra a Covid-19 em SP deve iniciar em janeiro, diz Doria
Coronavírus

Vacinação contra a Covid-19 em SP deve iniciar em janeiro, diz Doria