Unidade da PM incendiada no Rio Grande do Norte

Não há informações sobre a motivação do crime ou a ligação dos suspeitos com algum grupo criminoso

Suspeita de incêndio criminoso em unidade policial no RNSuspeita de incêndio criminoso em unidade policial no RN - Foto: Divulgação PM

 

A unidade do Pelotão Destacado de Polícia Militar de Arez, na região Leste do Rio Grande do Norte, foi incendiada na última quarta-feira (1), por volta das 5h. O fogo destruiu parte do prédio e um veículo. Nenhum policial ficou ferido.

Duas pessoas já foram presas suspeitas de envolvimento no ataque e a polícia investiga a participação de outras. Por enquanto, não há informações sobre a motivação do crime ou a ligação dos suspeitos com algum grupo criminoso.

Desde o início do ano, o estado vive uma crise na área de segurança. Uma rebelião iniciada no dia 14 de janeiro na Penitenciária Estadual de Alcaçuz deixou ao menos 26 mortos. Outros motins se seguiram e agentes da Força Tarefa de Intervenção Penitenciária foram enviados ao estado. Também em janeiro, ônibus e prédios públicos foram alvo de ataques criminosos na capital e em outras cinco cidades.

 

Veja também

EUA saúda compromisso do Brasil sobre desmatamento, mas pede 'ações imediatas'
Meio Ambiente

EUA saúda compromisso do Brasil sobre desmatamento, mas pede 'ações imediatas'

Em uma semana, mortes por Covid-19 aumentam em 8% e 6% de novos casos
Coronavirus

Em uma semana, mortes por Covid-19 aumentam em 8% e 6% de novos casos