Brasil

Violência no Rio tem 18 PMs mortos e 44 feridos em janeiro

O protesto foi organizado pela entidade SOS Polícia

 

A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro divulgou que até ontem pela manhã 18 policiais haviam sido mortos este ano, dos quais quatro estavam em serviço, 12 de folga e dois eram PMs aposentados. De acordo com o Instituto de Segurança Pública, em janeiro do ano passado, um policial militar foi morto em serviço e seis foram mortos em folga. Dos 44 policiais militares feridos este ano, 30 estavam em serviço, 13 de folga e um é policial aposentado.

Em 2016, segundo a PMERJ, 26 policiais foram mortos em serviço e 51 de folga e 250 foram feridos em serviço e 107 de folga. No último dia 15, a praia de Copacabana foi palco de uma manifestação contra a morte de policiais militares no Rio de Janeiro. O protesto foi organizado pela entidade SOS Polícia e reuniu cerca de 50 manifestantes, incluindo filhos de militares, e levou para a areia cruzes, bonecos caídos na praia vestidos com fardas de PMs manchadas de vermelho, simulando sangue e cartazes e faixas com as frases como “Também somos vítimas”.

 

Veja também

Termina hoje prazo para recusar nomeação como mesário
Eleições 2022

Termina hoje prazo para recusar nomeação como mesário

Cônsul preso por morte de marido enviou mensagem a amiga do casal: "Teve um infarto"
Cônsul da Alemanha

Cônsul preso por morte de marido enviou mensagem a amiga do casal: "Teve um infarto"