Notícias

Cabo instala pias diante da agência da Caixa

Além da agência, o Pátio da Estação e o Mercadão do município também receberam os equipamentos

Lavatórios móveis instalados em frente a Caixa do Cabo se Santo AgostinhoLavatórios móveis instalados em frente a Caixa do Cabo se Santo Agostinho - Foto: Divulgação

Lavatórios móveis estão disponíveis a partir desta quarta-feira (30) em frente à Caixa Econômica Federal localizada no Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife. Os dispositivos foram colocados pela prefeitura do município e pretendem minimizar a transmissão do novo coronavírus.

As pias são reforço ao Decreto Municipal que determina ações por parte das agências bancárias quanto à organização de filas e distanciamento dos clientes. "Infelizmente ainda se formam filas quilométricas na frente da Caixa em função do Auxílio Emergencial, por isso, o nosso Comitê de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus decidiu colocar lavatórios móveis próximos às agências bancárias também", disse o prefeito Lula Cabral.

Cada equipamento possui um reservatório com capacidade de 50 litros de água. Conta com recipiente para sabonete líquido e suporte para papel toalha. O lavatório é acionado com pedal para evitar o contato das mãos com o equipamento.

Leia também:
Prefeituras do Cabo e do Jaboatão doam mais de 150 mil máscaras
Artesãs do Cabo de Santo Agostinho produzem máscaras de tecido
Espaços e equipamentos públicos no Cabo são higienizados
 

Além do banco, lavatórios também foram instalados em outros lugares como o Pátio da Estação, no Centro do Cabo, onde há grande fluxo de pessoas devido ao transporte ferroviário, e no Mercadão do município. 

Está prevista, para a próxima semana, a colocação de mais pias públicas na Praça Marcos Freire, em Ponte dos Carvalhos, e na área comercial de Pontezinha. 

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Olinda, Jaboatão e Paulista decretam "situação de emergência" por causa das fortes chuvas
RMR

Olinda, Jaboatão e Paulista decretam "situação de emergência" por causa das fortes chuvas

Manifestantes pedem justiça para homem morto em Sergipe
Rio de Janeiro

Manifestantes pedem justiça para homem morto em Sergipe