Caldeiraria é arrombada no bairro de São José, no Recife

Armários e escritório também foram revirados e pedra foi encontrada na área externa e possivelmente teria sido como instrumento dos criminosos para quebrar a parede

Parede quebrada pelos criminosos Parede quebrada pelos criminosos  - Foto: Rafael Furtado/ Folha de Pernambuco

Uma caldeiraria que fica no bairro de São José, área central do Recife, foi arrombada na madrugada desta quarta (9). Os criminosos abriram um buraco na lateral da loja, que fica próxima à Praça Sérgio Loreto e a um conjunto habitacional abandonado. O proprietário da empresa, Gleybson Neves, estima que o prejuízo foi de R$ 30 mil.

Uma pedra foi encontrada na área externa e possivelmente teria sido usada como instrumento para quebrar a parede. Segundo informações preliminares, foram levados na ação diversos equipamentos e ferramentas da loja. Armários e o escritório também foram revirados. 

A empresa fabrica equipamentos industriais de exaustão e ventilação. Entre os objetos roubados, os de maior valor foram máquinas inversoras de soldagem e rotativas, que custam aproximadamente R$ 3.500 cada.

O dono do local só percebeu a invasão no dia seguinte. Ele disse que nunca tinha sido vítima de roubos e furtos no local, mas que outros assaltos andam sendo registrados nas redondezas. Gleybson prestou queixa e aguardava a chegada da Polícia Científica quando a reportagem esteve no local, na tarde desta quarta-feira (9).

Veja também

Pernambuco recebe 3º lote com 26.910 doses da vacina Pfizer/BioNtech
Coronavírus

Pernambuco recebe 3º lote com 26.910 doses da vacina Pfizer/BioNtech

Comissão dá parecer inicial contra inclusão de 'pulmão artificial' e remédio contra a Covid no SUS
Coronavirus

Comissão dá parecer inicial contra inclusão de 'pulmão artificial' e remédio contra a Covid no SUS