Calderano confirma favoritismo e é bicampeão de tênis de mesa no Pan

Além da medalha dourada, a vitória garante ao mesatenista brasileiro a vaga para participar das Olimpíadas de Tóquio 2020

Hugo Calderano, atleta de tênis de mesaHugo Calderano, atleta de tênis de mesa - Foto: Divulgação/COB

O mesatenista Hugo Calderano confirmou o favoritismo e faturou, nesta quarta-feira (7), o bicampeonato individual nos Jogos Pan-Americanos. Na final, o brasileiro conquistou o ouro após bater o dominicano Jiaji Wu por 4 games a 3 (11/8, 6/11, 8/11, 11/7, 8/11, 11/8 e 11/2).

Além da medalha dourada, a vitória garante ao mesatenista brasileiro a vaga para participar das Olimpíadas de Tóquio no ano que vem.

Leia também:
Takahashi fica com o bronze no tênis de mesa
Tênis de mesa do Brasil busca aproveitar embalo de Calderano

Calderano, que já havia levado o ouro nas duplas ao lado de Gustavo Tsuboi, terá ainda a chance de retornar ao Brasil com um terceiro ouro na bagagem, o da competição por equipe, disputada a partir desta quinta-feira (8). Em Toronto 2015, os atletas do Brasil levaram a melhor na disputa.

Ao defender o ouro individual obtido há quatro anos, o brasileiro de 23 anos entrou da disputa dos Jogos Pan-Americanos como o adversário a ser batido. Ele figura atualmente na sexta posição do ranking mundial da modalidade, atrás apenas de quatro atletas chineses e do japonês Tomokazu Harimoto.

Veja também

Flórida elimina restrições por Covid-19 enquanto supera 14.000 mortos
EUA

Flórida elimina restrições por Covid-19 enquanto supera 14.000 mortos

Mídia americana afirma que Trump indicará Amy Coney Barrett para Suprema Corte
internacional

Mídia americana afirma que Trump indicará Amy Coney Barrett para Suprema Corte