Educação

Candidato sem máscara no local de prova será eliminado do Enem 2020

Medida foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (31)

EnemEnem - Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Em retificação ao edital publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (31), o Ministério da Educação (MEC) afirma que os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 deverão usar máscara contra a Covid-19 no local de prova da entrada à saída. Caso o estudante não use ou se recuse a usar será eliminado do exame, conforme descrito no edital.

O texto ainda prevê que os participantes poderão levar máscaras reservas para trocar durante a aplicação da prova. A regra de uso de máscaras vale tanto para a versão impressa do Enem quanto para a versão digital.
 

Para ser identificado na entrada da sala, o participante deverá retirar a máscara, sem tocar sua parte frontal. Em seguida, é preciso realizar a higienização das mãos com álcool em gel próprio ou fornecido pelo aplicador antes de entrar na sala.

As provas impressas do Enem 2020 serão aplicadas em 17 e 24 de janeiro de 2021 para 5,7 milhões de inscritos. Já a versão digital sreá em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021 para outros 96 mil candidatos.

Em caso de necessidade de reaplicação para afetados por eventuais problemas de estrutura no local da prova, as datas são 24 e 25 de fevereiro. O MEC espera anunciar os resultados em 29 de março.

- Leia a íntegra do edital das provas impressas

- Leia a íntegra do edital da prova digital

Veja também

Explosão piora situação dos milhares de refugiados sírios em Beirute
líbano

Explosão piora situação dos milhares de refugiados sírios em Beirute

Paraná assina acordo para produção de vacina da Rússia contra Covid-19
Coronavírus

Paraná assina acordo para produção de vacina da Rússia contra Covid-19