CRISE

Central de Chernobyl 'totalmente parada' devido à ofensiva russa, diz operadora ucraniana

Operadora ucraniana Ukrenergo informa que o local não tem mais fornecimento de energia elétrica

Usina Nuclear em ChernobylUsina Nuclear em Chernobyl - Foto: Sergei Supinsky / AFP

O fornecimento de energia da usina de Chernobyl e seus equipamentos de segurança estão "totalmente" cortados, devido às ações militares russas - informou a operadora ucraniana Ukrenergo nesta quarta-feira (9).

Origem da pior catástrofe nuclear civil em 1986, a central nuclear de Chernobyl "está totalmente desconectada da rede de energia elétrica, devido às ações militares dos ocupantes russos. O local não tem mais fornecimento de energia elétrica", afirma a operadora em sua página do Facebook.

"Não há possibilidade de restabelecer as linhas", já que a ofensiva segue em curso, disse o operador.

Situada em uma zona de exclusão, a central de Chernobyl inclui reatores desativados e instalações de resíduos radioativos. 

A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), com sede em Viena e ligada à ONU, ainda não reagiu a este anúncio.

Poucas horas antes, no entanto, havia relatado que "a transmissão remota de dados dos sistemas de monitoramento de salvaguarda" instalados em Chernobyl havia parado.

A AIEA usa o termo "salvaguardas" para se referir às medidas técnicas aplicadas a materiais nucleares e a atividades para impedir o desenvolvimento de armas nucleares. 

Mais de 200 técnicos e guardas estão bloqueados no local e trabalham há 13 dias seguidos sob vigilância russa.

A AIEA pediu à Rússia que permita a troca de pessoal, porque o descanso e os horários regulares de trabalho são cruciais para a segurança do local. 

"Estou muito preocupado com a situação difícil e estressante do pessoal da planta nuclear de Chernobyl e com o potencial risco para a segurança nuclear", declarou o diretor-geral do organismo nuclear da ONU, Rafael Grossi.

Grossi reiterou sua oferta de viajar ao local para garantir o "compromisso com a segurança" das centrais nucleares para todas as partes envolvidas.

Veja também

Moradores fecham pista da Av. Agamenon Magalhães após fio de alta tensão cair em rua da Zona Norte
Recife

Moradores fecham pista da Av. Agamenon após fio de alta tensão cair em rua da Zona Norte

Índia proíbe plásticos de uso único para combater o desperdício
Meio Ambiente

Índia proíbe plásticos de uso único para combater o desperdício