BRASIL

Chefe do tráfico do Ceará é preso pela polícia na Praia de São Conrado

Messias Tales de Souza Izídio, conhecido como Talibã ou Maestro, estava escondido há cerca de um ano na comunidade da Rocinha

O traficante Maestro pouco antes de preso O traficante Maestro pouco antes de preso  - Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu nesta quinta-feira (19) o traficante Messias Tales de Souza Izídio, também conhecido como Talibã ou Maestro, na Praia de São Conrado, na altura do Posto 13, na Zona Sul do Rio. De acordo com as investigações, ele estava escondido há cerca de um ano na comunidade da Rocinha, atuando como como braço direito de Bin Laden.

A polícia do Ceará informa que Messias é o chefe da facção criminosa Comando Vermelho, na Comunidade do Canal e Parque Iracema. A ação contou com agentes da Subsecretaria de Inteligência (Ssinte) e Divisão de Capturas e Polícia Interestadual (DC-Polinter), além do apoio do Departamento de Inteligência (DIP) da Polícia Civil do Ceará.

Messias responde pelos crimes de tráfico de drogas, homicídio qualificado e invasão de domicílio. Ainda, segundo as informações da Civil, o criminoso é responsável pelo envio de armas e drogas do Rio para o Nordeste.

O traficante publicava suas ordens para a quadrilha em suas redes sociais. Além disso, em diversas portagens, ostentava armas de fogo, como fuzis e pistolas.

Veja também

Rivais do premiê votam na penúltima etapa das eleições indianas
índia

Rivais do premiê votam na penúltima etapa das eleições indianas

Justiça da Colômbia acusa ex-presidente Uribe de suborno e fraude
america latina

Justiça da Colômbia acusa ex-presidente Uribe de suborno e fraude

Newsletter