Cinco pessoas são presas por receptação de fios de cobre

Inspeção nos bairros de Afogados e São José encontrou cabos da Celpe e fios de cobre de empresas de telefonia em ferros-velhos

Cinco pessoas foram presas durante fiscalização em ferros-velho por receptação de fios de cobreCinco pessoas foram presas durante fiscalização em ferros-velho por receptação de fios de cobre - Foto: Brenda Alcântara / Folha de Pernambuco

Doze ferros-velhos localizados nos bairros de Afogados e São José, no Recife, foram inspecionados durante a manhã desta terça-feira (17), em ação conjunta da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) e o Procon/PE. Em alguns estabelecimentos foram identificados cabos da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) e fios de cobre utilizados por empresas de telefonia. Um total de 35 kg de fios foi apreendido.

Cinco pessoas foram encaminhadas à delegacia de Afogados por receptação e furto de energia. Elas deverão passar pela audiência de custódia. A ação contou com o apoio das Polícias Civil e Militar, Delegacia do Consumidor, Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), Corpo de Bombeiros, Celpe e empresas de Telefonia atuantes no Estado. Duas baterias tombadas pela Anatel também foram recuperadas durante a operação.

O secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, declarou que o Governo de Pernambuco não irá mais tolerar esse tipo de conduta. “Esses crimes causam prejuízos não só às empresas, mas principalmente aos consumidores que têm seus serviços interrompidos. O Estado democrático é também o Estado da ordem e esse ou qualquer outro tipo de crime deverá ser punido exemplarmente” completa o gestor.

Leia também:
Lotéricas voltam a receber pagamento de contas da Celpe
Presos por furtar fios de cobre de Suape são liberados em audiência de custódia
Polícia encontra 2,5 toneladas de fio de cobre furtado de Suape

Durante a operação, os técnicos das operadoras de telefonia colaboraram identificando os materiais apreendidos. As fiscalizações seguirão com a atuação de todos os órgãos envolvidos por todo o mês de julho, com o objetivo de coibir a ação criminosa.

Veja também

Espanha descarta novo confinamento geral pela terceira onda de covid-19
Coronavírus

Espanha descarta novo confinamento geral pela terceira onda de covid-19

Após fracasso de busca de vacina na Índia, governo usa avião para levar oxigênio para Manaus
Coronavírus

Após fracasso de busca de vacina na Índia, governo usa avião para levar oxigênio para Manaus