Clientes denunciam furtos em loja de shopping no Recife

Nutricionista aposentada teve carteira furtada com R$ 600 reais dentro. Psicólogo teve celular retirado de dentro da bolsa

A procura foi tão grande que a instituição abriu inscrições para uma nova turma que acontece nos próximos dias 13 e 14 deste mêsA procura foi tão grande que a instituição abriu inscrições para uma nova turma que acontece nos próximos dias 13 e 14 deste mês - Foto: Divulgação

Clientes denunciaram, nas redes sociais, uma série de furtos que teria acontecido na última quarta-feira (28), na Zara do Shopping RioMar, no bairro do Pina, na Zona Sul do Recife. A loja internacional de departamento anunciou liquidação em todo o Brasil na última segunda (26) e, desde então, tem movimentação intensa.

A reportagem do FolhaPE conversou com, pelo menos, duas pessoas que teriam sido vítimas. Uma delas, um psicólogo, ainda não prestou queixa, mas relatou que teve o celular furtado enquanto estava dentro da loja, na companhia da mãe. O celular teria sido retirado de dentro da bolsa dele em um momento de descuido. "Eu fui na Zara feminina com a minha mãe e vi que a fila estava enorme. Quando cheguei na Zara masculina e virei para abrir a bolsa e pegar o celular... Ele já não estava mais", relatou o psicólogo.

A outra vítima, uma nutricionista aposentada, teve a carteira furtada com R$ 600 reais dentro, além de documentos e cartões bancários. Ela registrou um Boletim de Ocorrência por meio do site da Secretaria de Defesa Social (SDS). O crime teria acontecido por volta das 15h da última quarta (28). “Quando fui fazer o pagamento das peças que havia escolhido, percebi que a bolsa estava aberta e a carteira não estava mais dentro. Não percebi nada. Creio que a ação foi muito rápida porque meus celulares não foram levados. Minha bolsa era tiracolo e tinha zíper. Não era uma bolsa fácil de abrir”, relatou.

A mulher informou que, após perceber que havia sido furtada, procurou a gerência da loja, mas que não obteve sucesso na denúncia. “Relatei o ocorrido e pedi as imagens das câmeras de segurança, mas a gerente informou que não tinha condições de ver porque a loja estava com muita gente”, comentou a aposentada.

Tanto a nutricionista quando o psicólogo procuraram o Serviço de Atendimento ao Consumidor do Shopping RioMar e fizeram uma reclamação. "Eles pegaram meu número e se comprometeram a entrar em contato, caso algo fosse encontrado", declarou a aposentada, que, ao chegar ao SAC, presenciou a denúncia de outra mulher, que também havia informado ter sido furtada na loja. "A mulher ainda conseguiu encontrar a carteira com os documentos, que havia sido jogada na lixeira do banheiro", finalizou a nutricionista.

A nutricionista aposentada criticou a postura da gerência da loja, que disse que “não se responsabilizava por bens dos clientes dentro da loja”. “A questão não é responsabilizar. A questão é ter seguranças dentro da loja ou, no mínimo, se preocupar em olhar as imagens para identificar as pessoas que cometeram o crime”, relatou. Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa da Zara Brasil não atendeu às ligações.

Veja também

Shopping Guararapes recebe doações de sangue em campanha de coleta externa do Hemope
Doe vida

Shopping Guararapes recebe doações de sangue em campanha de coleta externa do Hemope

Alemanha quer restringir voos com Brasil, Reino Unido, África do Sul e Portugal
Covid-19

Alemanha quer restringir voos com Brasil, Reino Unido, África do Sul e Portugal