Com missa e coro, Pró-Criança reabre sede, mas ainda precisa de doações

Prédio da instituição foi afetado por um incêndio em 2014; missa de abertura foi celebrada pelo arcebispo dom Fernando Saburido

Sede do Movimento Pró-Criança é reinauguradaSede do Movimento Pró-Criança é reinaugurada - Foto: Ed Machado/ Folha de Pernambuco

A sede principal do Movimento Pró-Criança, afetada por um incêndio em 2014, foi reinaugurada no fim da tarde desta quarta-feira (1º). Uma missa celebrada pelo arcebispo de Recife-Olinda, dom Fernando Saburido, e a estreia do coro composto por crianças e adolescentes atendidos pela ONG, marcaram a solenidade, realizada no prédio reconstruído, na Rua dos Coelhos, em frente ao Imip.

Políticos, artistas, representantes de empresas e todo o corpo integrante do Pró-Criança estiveram presentes. O projeto se muda integralmente para a área reconstruída na próxima segunda (6). "Atualmente, nós estamos atendendo 2.500 crianças e adolescentes", conta o fundador do projeto, Sebastião Barreto Campello. "Meu coração tá aqui batendo forte, mas aguentando a emoção", disse.

"A instituição está nos nossos corações. Cumpre um papel social muito bonito, dando oportunidades as crianças de aprender algo positivo. O evangelho nos ensina a praticar a caridade, e é isso que o Pró-Criança faz. Sempre admirei o projeto", comentou dom Fernando Saburido. Em seguida, foi lançado o coro da instituição, cantando músicas eruditas, como "Lascia ch'io pianga", composta pelo alemão Georg Friedrich Händel. A solenidade se encerrou com o corte de uma fita na entrada principal da sede e o descerramento de placa.

Leia também:
Movimento Pró-Criança recebe mutirão com ações de cidadania
Inscrições abertas para curso de robótica do Movimento Pró-Criança
Prestes a completar 24 anos, Pró-Criança está quase pronto

O prédio está erguido e apto para o uso, mas ainda precisa de equipamentos que viabilizem o funcionamento regular. "A campanha pela reconstrução acabou terça, mas somos uma ONG, estamos sempre precisando de doações", disse Luiz Carlos Filho, coordenador da campanha de reconstrução da sede, batizada de Solidariedade Pró-Criança. "A gente ainda precisa de ar condicionado, ventiladores, mobília. A segunda etapa da reconstrução que iremos começar é mais prática, específica. A empresa pode vir aqui, ver o que precisa e doar, por exemplo", explica Luiz.

O incêndio, ocorrido em agosto de 2014, foi causado por uma pane no sistema elétrico e devastou praticamente todo o prédio. O secretário executivo da instituição, Antonio Vicente, ainda se recorda do dia: "Era dia de greve dos rodoviários e encerramos as atividades ao meio dia. Durante a tarde, fomos informados pelo porteiro que já estava pegando fogo". A reconstrução é considerada um recomeço. "Nós não poderíamos receber um presente de 24 anos melhor do que essa sede", comentou.

Estima-se que foram investidos mais de R$ 1 milhão na recuperação, quantia oriunda de doações do Governo do Estado, empresas e sociedade.

Veja também

Soldado dos EUA é preso por querer ajudar Estado Islâmico a atacar americanos
Terrorismo

Soldado dos EUA é preso por querer ajudar Estado Islâmico a atacar americanos

EUA supera as 400.000 mortes pela Covid-19
Pandemia

EUA supera as 400.000 mortes pela Covid-19