Começa nesta quarta a campanha Papai Noel dos Correios

Realizada há 27 anos, a campanha tem o objetivo de responder às cartas das crianças e atender aos pedidos de presentes daquelas que estão em situação de vulnerabilidade social

Senador Armando Monteiro Neto (PTB)Senador Armando Monteiro Neto (PTB) - Foto: Ana Luisa Souza/Divulgação

Os Correios iniciam nesta quarta-feira (16) a campanha regional Papai Noel dos Correios de 2016. Realizada há 27 anos, a campanha tem o objetivo de responder às cartas das crianças que escrevem ao Papai Noel e atender aos pedidos de presentes daquelas que estão em situação de vulnerabilidade social.

A programação, que tem início às 15h, inclui apresentação do Quarteto de Cordas da Orquestra Criança Cidadã e a participação de estudantes da rede pública de ensino, que vão ajudar a colocar as primeiras cartas no painel montado nas paredes da agência dos Correios.

As cartas expostas podem ser adotadas até 20 de dezembro. No ano passado, foram entregues mais de 8 mil presentes em Pernambuco. Além de compartilhar e incentivar o sentimento de solidariedade, a campanha também incentiva, por meio das cartas, o desenvolvimento da habilidade de escrever.

Nos últimos três anos, em todo o País, foram recebidas mais de 2,8 milhões de cartas destinadas ao Papai Noel dos Correios. Desse total, 1,9 milhão atendiam aos critérios da campanha e mais de 80% foram adotadas, o que equivale a 1,5 milhão de cartas. Como funciona – As cartas enviadas pelas crianças são disponibilizadas para adoção em um mural montado na Agência Central do Recife ― avenida Guararapes. Os presentes devem ser entregues na mesma agência para que a entrega seja feita pelos Correios. Para preservar a segurança das crianças, não é permitida a entrega direta do presente — o endereço não é informado aos padrinhos e às madrinhas.

Veja também

Contran publica requisitos para fiscalização da velocidade de veículos
Estradas

Contran publica requisitos para fiscalização da velocidade de veículos

EduCAPES: aplicativo disponibiliza livros, videoaulas, imagens e artigos gratuitos
Educa Mais Brasil

EduCAPES: aplicativo disponibiliza livros, videoaulas, imagens e artigos gratuitos