Notícias

Comentarista Maciel Júnior testa positivo para Covid-19

Radialista da Rádio Jornal foi internado nesta quinta-feira (23), mas quadro não é preocupante, segundo seu filho

Maciel Junior, comentarista da Rádio JormalMaciel Junior, comentarista da Rádio Jormal - Foto: Reprodução/Instagram

O comentarista da Rádio Jornal, Maciel Júnior, testou positivo para a Covid-19, nesta quinta-feira (23). Após dar entrada na UTI do Hospital Esperança, o jornalista recebeu a confirmação que está infectado com a doença. A informação foi repassada pelo seu filho Kelvin Maciel, em contato com a Folha de Pernambuco.

Leia também:
Etiene Medeiros se une ao Recife no combate ao novo coronavírus
Pernambuco confirma 30 novos óbitos pela Covid-19 e passa de 300 vítimas fatais


Segundo Kelvin, o jornalista deu entrada na UTI por volta das 7h30 desta quinta com insuficiência respiratória. O exame laboratorial confirmando que Maciel está com o novo coronavírus saiu às 14h30. Ainda de acordo com o filho do radialista, a situação do pai não é preocupante. "O médico preferiu que ele fosse acompanhado na UTI, porém ele está respirando bem, sem necessidade de ser entubado", falou Kelvin.

Maciel Júnior está de férias desde o início de abril, e a família ainda não sabe como o comentarista contraiu a doença. "Acreditamos que ele possa ter sido infectado fazendo alguma coisa rotineira... indo ao mercado, ou algo essencial. Outra possibilidade é ter sido infectado por um de nós da família, apesar de não termos nenhum tipo de sintomas. Apenas estamos de quarentena", explicou Kelvin, afirmando que nenhum dos familiares fez o exame para saber se está com a doença.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

IBGE divulga 1º levantamento sobre homossexuais e bissexuais no Brasil
LGBTQIA+

IBGE divulga 1º levantamento sobre homossexuais e bissexuais no Brasil

Epidemiologista acredita que ainda 'é cedo' para falar de epidemia de varíola dos macacos
Varíola dos macacos

Epidemiologista acredita que ainda 'é cedo' para falar de epidemia de varíola dos macacos