Concentração total às vésperas do Enem

Professores e alunos do Colégio Marista São Luís enfrentaram maratona de quatro horas de estudo em um aulão preparatório realizado em uma sala de cinema

Cerca de 250 estudantes participaram do aulãoCerca de 250 estudantes participaram do aulão - Foto: Portal FolhaPE

Estudantes do Colégio Marista São Luís participaram no fim de semana de um aulão preparatório para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que será realizado nos dois primeiros domingos de novembro. Professores e alunos enfrentaram uma maratona de quatro horas de aula em uma das salas de cinema do UCI Kinoplex Plaza Casa Forte Shopping, na Zona Norte do Recife.

Leia também:
Feras enfrentam aulão preparatório para o Enem
Mais de 3 milhões de candidatos já consultaram local de prova do Enem


Cerca de 250 estudantes do ensino médio participaram da aula. As atividades foram marcadas pelo uso de músicas e brincadeiras que ajudaram a deixar mais leve a grande carga de conteúdos a serem revisados. Cydo, estudante do terceiro ano, pretende concorrer a uma vaga no curso de cinema. A expectativa dele era de que o aulão ajudasse a tirar dúvidas, além de rever e fixar o conteúdo que vem sendo estudado ao longo do ano.

Na entrada do evento, cada fera recebeu uma edição do caderno especial Simulado para o Enem, que vem com de 50 questões elaboradas pelos professores do Colégio Marista São Luís em parceria com a Folha de Pernambuco. Segundo a coordenadora pedagógica do ensino médio, Ana Cristina Santos, a programação foi intensa, mas a estrutura do cinema permitiu que os conteúdos fossem trabalhados de forma diversificada e atraente para que os feras saíssem de lá afiados.

Memes
Além do ambiente, a comunicação com os alunos na linguagem que eles entendem é uma das marcas do aulão do Colégio Marista São Luís. A professora de língua portuguesa Mônica Soares, por exemplo, fez uso dos memes - imagens, vídeos, gifs e outros itens relacionados ao humor que viralizam na intenet - para explicar aos jovens os diferentes gêneros textuais. “Se nós não trabalharmos em cima daquilo que o aluno gosta, pelo que ele tem interesse, tenha certeza que nós vamos ficar a ver navios. Para que a gente conquiste esse meninos é preciso falar a linguagem deles”, afirmou.

Veja também

Internado com Covid-19, idoso reencontra cachorrinha de estimação em despedida emocionante
Folha Pet

Internado com Covid-19, idoso reencontra cadela de estimação em despedida emocionante

Defensoria e MPPE recomendam ampliação de canais de agendamento para vacinação de idosos no Recife
RECIFE

Defensoria e MPPE recomendam ampliação de canais de agendamento para vacinação de idosos