Conheça as cinco finalistas do concurso Eu Amo Minha Rua; veja e dê seu voto

O projeto que está em sua sétima edição e recebeu neste ano 103 ruas inscritas. As três ruas mais votadas ganharão shows gratuitos na noite de São João

Rua--Expedicionário-TeodoroRua--Expedicionário-Teodoro - Foto: divulgação

Foram definidas as cinco ruas do Recife finalistas do concurso Eu Amo Minha Rua. O projeto, que está em sua sétima edição e recebeu neste ano 103 ruas inscritas, é realizado pela Prefeitura do Recife e objetiva premiar com apresentações musicais os endereços com as melhores decorações juninas.

Leia também:
Geraldinho e Dudu do Acordeon no São João de Serra Negra; confira a programação
Magníficos e Brucelose no São João de Paulista; confira programação completa
Safadão, Alok e Teló são atrações do São João de Petrolina; confira programação completa

Na final, estão quatro vias da Zona Norte do Recife - rua Jornalista Campelo Júnior, em Água Fria; rua Expedicionário Teodoro Sativa, em Dois Unidos; e rua Bacuri e Travessa Siriji, no Alto do Mandu. A quinta rua fica na Zona Sul, a Albacora, em Brasília Teimosa.

Os locais passam agora para a última fase, que terá votação popular iniciando nesta sexta-feira (21) e seguindo até a próxima terça-feira (25) no site www.euamominharua.com.br.

Adiel Luna, Forrozão Maia e o Trio de Mala e Cuia serão as atrações para a rua vitoriosa. Para a segunda colocada, a premiação será um show da cantora Adriana Pimentinha e o Trio Virgulino. Já o terceiro lugar vai receber o show do Expresso do Forró e de Aluízio do Acordeom.

O resultado da votação popular será divulgado na próxima quarta-feira (26). A premiação será no Dia de São Pedro, 29 de junho. As festas serão abertas ao público, sem custo para a comunidade.

Veja também

Pernambuco registra 537 novos casos da Covid e 16 mortes
Coronavírus

Pernambuco registra 537 novos casos da Covid e 16 mortes

Em colapso, Rondônia anuncia transferência de doentes com Covid-19 e pede médicos
Coronavírus

Em colapso, Rondônia anuncia transferência de doentes com Covid-19 e pede médicos