Notícias

Corregedoria da SDS vai apurar conduta de PMs na troça "Empatando Tua Vista"

Ação aconteceu neste sábado (25), na rua Bulhões Marques, no bairro da Boa Vista, área central do Recife.

Imagem do vídeo divulgada pela páginas da troça carnavalesca Empatando Tua VistaImagem do vídeo divulgada pela páginas da troça carnavalesca Empatando Tua Vista - Foto: Reprodução/WhatsApp

A Corregedoria da Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco vai abrir um procedimento administrativo para apurar a conduta dos quatro policiais militares que apreenderam materiais que seriam usados na troça “Empatando Tua Vista” durante o Galo da Madrugada. A ação aconteceu neste sábado (25), na rua Bulhões Marques, no bairro da Boa Vista, área central do Recife.

>> Leia mais: PM apreende materiais de troça carnavalesca no Recife

De acordo com o supervisor da corregedoria de plantão, capitão Ronaldo Santana, os policiais já foram identificados e serão ouvidos ainda neste sábado. Eles faziam parte da equipe de segurança pública do bloco. Segundo o capitão Santana, o corregedor adjunto, o coronel Fernando Aníbal, determinou a abertura de um “procedimento administrativo disciplinar para averiguar a conduta dos PMs”.

Ainda de acordo com o supervisor, que não soube confirmar o nome dos policias, as placas e o chassi da viatura usada pelos quatro e informada pelas organizadoras da troça na manhã deste sábado, foi fundamental para a identificação dos PMs. Os policias eram um Major e três praças, mas ainda não há confirmação oficial de qual batalhão eles são.

“A área que responde pelo trajeto do Galo é o 16ºBPM, mas, no dia de hoje, houve reforço de policiais de outros batalhões, então não tenho a confirmação do batalhão dos quatro”, informou Santana.

A expectativa é que os quatro policiais se apresentem na corregedoria após o fim do desfile do Galo da Madrugada. Caso eles se apresentem após às 20h, os depoimentos serão colhidos pelo Tenente Souza, que estará de plantão na corregedoria. O processo administrativo pode demorar até 30 dias que podem ser prorrogados por mais 30. Depois disso, o corregedor, Antônio Paiva, decidirá o que acontecerá com os policiais.

Veja também

Pernambuco tem mais de 400 desabrigados após chuvas fortes, diz Codecipe
Chuvas

Pernambuco tem mais de 400 desabrigados após chuvas fortes, diz Codecipe

Autora de "Como matar seu marido" é declarada culpada pelo assassinato de cônjuge nos EUA
ESTADOS UNIDOS

Autora de "Como matar seu marido" é declarada culpada pelo assassinato de cônjuge nos EUA