Notícias

Criança de 4 anos morre após atirar na própria cabeça, em Sertânia

Menino pegou a arma do pai, que trabalha como policial civil em Sergipe. Caso aconteceu na última quinta-feira

a conversa com o presidente da sigla, Carlos Siqueira, o deputado Lucas Ramos reforçou a importância do consenso nas Eleições de 2020. a conversa com o presidente da sigla, Carlos Siqueira, o deputado Lucas Ramos reforçou a importância do consenso nas Eleições de 2020.  - Foto: Divulgação

Uma criança de 4 anos morreu após pegar a arma do pai e atirar na própria cabeça. O caso aconteceu na última quinta-feira (5), em Sertânia, no Sertão. Segundo a polícia, o menino subiu em um banquinho e pegou a arma, que estava em cima de um armário. O pai da criança é policial civil e trabalha em Sergipe.

O menino ainda chegou a ser socorrido, mas morreu antes de dar entrada no Hospital Doutor Lídio Paraíba, em Pesqueira, no Agreste. O corpo da criança foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Caruaru, também no Agreste. O caso deverá ser investigado pela Delegacia de Sertânia

Veja também

Contágios da varíola do macaco geram preocupação na Europa
Saúde

Contágios da varíola do macaco geram preocupação na Europa

Paulista realiza vacinação contra a Covid-19 em seis polos neste sábado
Saúde

Paulista realiza vacinação contra a Covid-19 em seis polos neste sábado