CTTU reforça o trabalho de monitoramento durante o Enem

Equipes de agentes e orientadores de trânsito vão monitorar o entorno dos principais locais de prova

Carol Levy no Natal Cultural da Vila 7Carol Levy no Natal Cultural da Vila 7 - Foto: Janela Fotografia / Divulgação

A Companhia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) montou um esquema de monitoramento de tráfego para viabilizar a realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que acontece nestes sábado (5) e domingo (6). A CTTU vai disponibilizar um efetivo de 40 agentes de trânsito para atuar durante a operação, que vai acontecer entre 8h e 19h, nos dois dias.

Além disso, durante o sábado, a ação vai contar ainda com a presença de 340 orientadores de trânsito, que estarão dispostos nos pontos habituais de trabalho, auxiliando na fluidez e na segurança viária. O monitoramento vai priorizar os principais corredores viários e tem o objetivo de proporcionar maior fluidez nas proximidades dos locais de prova que concentram o maior número de candidatos.

Entre as áreas de atuação da CTTU estão a avenida Rui Barbosa, rua do Príncipe, avenida Caxangá e avenida Marechal Mascarenhas de Moraes. O monitoramento também será realizado pela equipe da Central de Operações de Tráfego, que vai acompanhar o trânsito com o auxílio de 118 câmeras implantadas nas principais vias do Recife. A população poderá acionar a Companhia através da teleatendimento 24h: 0800.081.1078. RECOMENDAÇÃO - A CTTU aconselha que o candidato chegue cedo aos locais de prova para evitar maiores retenções e corre-corre. Os condutores de veículos também devem estar atentos à sinalização que proíbe estacionamento. A fiscalização será rigorosa e o veículo flagrado sobre calçadas ou em fila dupla corre o risco de ser rebocado. Os veículos que insistirem no estacionamento irregular serão autuados com multas entre leve, média e grave, no valor de R$ 88,38 (três pontos na CNH), R$ 130,16 (quatro pontos na CNH) ou 195,23 (cinco pontos na CNH) e de ter o veículo rebocado.

Veja também

Antes de colocar a cara no sol, proteja-se
Vida Plena

Antes de colocar a cara no sol, proteja-se

Tratamento dentário em crianças diminui até 89% na pandemia
Saúde

Tratamento dentário em crianças diminui até 89% na pandemia